Início Saúde Novembro Azul também é mês de atenção ao controle de diabetes

Novembro Azul também é mês de atenção ao controle de diabetes

Nutricionista alerta sobre riscos da doença silenciosa e orienta como identificar sintomas e manter a saúde em dia

- continua após a publicidade -

O mês de novembro, muito lembrado pelo combate mundial ao câncer de próstata, também é referência na campanha de prevenção e conscientização de diabetes mellitus. A doença atinge mais de 400 milhões de pessoas no mundo e provoca mais de 5 milhões de óbitos ao ano, segundo a Sociedade Brasileira de Diabetes. O balanço mais recente do Ministério da Saúde, realizado no ano passado, aponta que 7,7% da população adulta do Brasil tem a doença diagnosticada.

Bruna Pavão, consultora nutricional da marca Cuida Bem, alerta que a diabetes, sem o acompanhamento adequado, pode desencadear sérias complicações e, por isso, é importante verificar com regularidade os índices glicêmicos, para que o diagnóstico seja precoce.

“É importante lembrar que ter diabetes não significa apenas tomar insulina ao longo da vida. É uma doença que pode desencadear graves lesões no corpo, incluindo olhos, rins, vasos sanguíneos, coração e nervos.”

A enfermidade é classificada em dois tipos: diabetes tipo 1 (quando as células do corpo que produzem insulina são destruídas pelo próprio sistema imunológico, então requer do paciente aplicação diária de insulina; é um quadro que atinge mais crianças e adolescentes); e diabetes tipo 2 (quando o pâncreas produz insulina, porém de forma insuficiente para o organismo, caso mais comum entre adultos e idosos; nessa situação, a doença é tratada com atividades físicas, alimentação e, quando necessário, fármacos).

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Para oferecer mais qualidade de vida aos que possuem algum tipo de diabetes, a indústria de alimentos conta atualmente com uma extensa variedade de produtos doces que auxiliam no controle da glicemia e não comprometem a saúde dos consumidores, conforme esclarece a especialista. “A vontade do doce acaba aparecendo em algum momento e, para isso, alimentos como os da linha Cuida Bem, que não levam adição de açúcar e são adoçados com ingredientes naturais, como o maltitol, são ótimas opções. As frutas secas também podem ser incorporadas à dieta.”

Bruna ainda pontua que, para quem vai às compras, o indicado é sempre procurar produtos que contenham o selo ANAD, da Associação Nacional de Atenção ao Diabetes, pois são itens com garantia e segurança ao portador do quadro clínico. No entanto, a nutricionista alerta que, mesmo com a variedade de opções, é preciso se atentar à quantidade consumida desses produtos, já que o excesso costuma ser o principal erro dos diabéticos.

“Doces dietéticos nem sempre apresentam redução calórica e podem conter quantidades significantes de gorduras e sódios, que se tornam prejudiciais quando consumidos em grande volume. Portanto, o indicado é inserir na dieta com moderação e ler os rótulos para selecionar as melhores opções. Os produtos da Cuida Bem, por exemplo, têm todos os ingredientes em medidas controladas”, afirma Bruna. Ela também reforça a necessidade de consultar um profissional da saúde, como nutricionista, para determinar a quantidade individual ideal.

A diabetes é uma doença que não tem cura, mas há outra condição, chamada de pré-diabetes, que acomete algumas pessoas e é possível, sim, reverter. Nesse estágio, quando há alterações no nível de glicemia em jejum, indicando um maior risco de desenvolvimento da enfermidade, é preciso fazer o acompanhamento com especialistas em nutrição para evitar a evolução do quadro e conseguir uma vida saudável novamente. “Do contrário, o indivíduo pode desenvolver a diabetes após 3 a 5 anos.”

Outro cuidado necessário para evitar o surgimento da doença ou mantê-la sob controle, segundo a nutricionista, é estabelecer uma rotina com prática diária de exercícios, porque a enfermidade também está ligada à vida sedentária. Além disso, uma dieta rica em fibras – nutriente que absorve excessos de açúcar no sangue, vegetais e frutas associada ao acompanhamento ininterrupto de um médico soma na promoção do bem-estar.

“O índice da doença em crianças tem aumentado ao longo dos anos pelo alto contato com alimentos industrializados, excesso de açúcar e gorduras. É preciso priorizar os alimentos in natura e promover a inserção de frutas e castanhas na rotina”, explica Bruna, que indica o consumo de lanches do dia a dia baseados em linhas saudáveis e ricas em fibras, como a Cuida Bem, que possui barrinhas de nuts, mix de castanhas, entre outros.

Para quem não conhece quais os sintomas da diabetes, que pode ser silenciosa, a consultora aponta que a de tipo 1 provoca fome frequente, sede constante, vontade excessiva de urinar, perda de peso, fraqueza, fadiga, mudanças de humor, náusea e vômito. Já a tipo 2, além da fome e sede em excesso e a intensa vontade de urinar, causa formigamento nos pés e nas mãos, infecções frequentes na bexiga, rins e pele e favorece o aparecimento de feridas que demoram para cicatrizar; pode, ainda, ocorrer alterações na visão.

arquivo
- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Sobre a Santa Helena

Uma das mais importantes indústrias de amendoim da América Latina, a Santa Helena é reconhecida pela tradição, qualidade e procedência de seus produtos. A empresa possui um vasto portfólio, com itens de referência nacional, como Paçoquita e Mendorato (amendoim japonês), campeões em vendas, entre tantas outras diferentes categorias, como a linha Troféu e as marcas de alimentação saudável Cuida Bem e First.

A Santa Helena leva o melhor do amendoim para todo o território nacional há mais de 75 anos e, desde 1997, exporta para os mercados mais exigentes do mundo, como Europa, América Latina e Ásia. A empresa caminha ao lado da inovação para atender às expectativas de seus consumidores, dessa forma, investe constantemente em tecnologia, melhoria de processos, na qualificação de seus colaboradores e em rigorosos métodos de controle de qualidade da matéria-prima.

Com aproximadamente 1.300 colaboradores, o complexo industrial da Santa Helena está localizado em Ribeirão Preto, no interior paulista. Mais informações em www.santahelena.com.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

Iguatemi anuncia 1ª edição do projeto Iguatemi Kids por O Pequeno Colecionador

A iniciativa tem o objetivo de conectar as famílias por meio da cultura e do fazer artístico.

Ribeirão Rodeo Music anuncia data da edição 2021 e programação com grandes nomes do universo sertanejo

O evento, que acontecerá entre os dias 17 e 24 de abril, terá Marília Mendonça, Zé Neto & Cristiano, Gusttavo Lima entre outras atrações de destaque

Pelé representou “o talento absoluto do futebol brasileiro”

Aniversário do Pelé: rei do futebol completa 80 anos neste dia 23 de outubro

Apoiado pelo Papa Francisco, Cartórios de São Paulo registraram quase 24 mil uniões civis homoafetivas

Os números divulgados pelo IBGE mostram que os casamentos homoafetivos vem aumentando ano a ano desde sua regulamentação, com crescimento ainda mais considerável nos últimos anos

Vanderley Caixe (PC do B) tem candidatura cancelada

Essa foi a terceira impugnação imposta pela Justiça Eleitoral.