InícioMundoGuerra fria: China manda fechar consulado dos EUA em Chengdu

Guerra fria: China manda fechar consulado dos EUA em Chengdu

Partido Comunista eleva tensão entre os dois países e garante que sua “decisão é uma resposta legítima às medidas irracionais dos norte-americanos”

- continua após a publicidade -

O Partido Comunista da China ordenou, na manhã desta sexta-feira, 24, o fechamento do consulado dos Estados Unidos em Chendgu, cidade no sudoeste do país. Contudo, não deu prazo para isso ocorrer.

Já esperado, o movimento, portanto, é uma resposta ao governo norte-americano. Anteontem, o presidente Donald Trump fez o mesmo com a missão diplomática chinesa em Houston, no Texas, mas por suspeita de espionagem de diplomatas estrangeiros.

FOTO DIVULGAÇÃO

“Assim sendo, a decisão é uma resposta legítima às medidas irracionais dos EUA”, informou em comunicado o Ministério das Relações Exteriores chinês.

Além da embaixada em Pequim e do consulado em Chengdu, os EUA têm outros quatro consulados na China continental — Xangai, Cantão, Shenyang e Wuhan — e um em Hong Kong. Atolado em acusações, o governo de Xi Jinping roubou dados sobre vacina contra a covid-19, garante a gestão Trump.

foto arquivo

Embaixador chinês é confrontado com imagens de campo de concentração e trabalhos forçados.
- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Rayssa Leal, a Fadinha, fatura prata no skate street em Tóquio 2020

Com apenas 13 anos atleta é a mais jovem na história a conquistar uma medalha para o país

De virada Fogão vence o Ituano e cola no G-4

Com a vitória, o Pantera chegou a 16 pontos —mesma pontuação do Ituano, quarto colocado

Olimpíadas de Tóquio: Oitavas do surfe começam neste domingo com quatro brasileiros

Medina, Italo, Silvana e Tatiana caem na água a partir das 22h

Olimpíadas de Tóquio: Rebeca Andrade dá show e se classifica para três finais

Ginasta vai brigar por medalhas no solo, individual geral e salto, Flávia Saraiva conseguiu a vaga na final na trave.

Universidade federal terá cotas para detentos, ex-presidiários e refugiados

Ser bandido virou bom negocio no Brasil, com aplauso do PSOL a decisão penaliza o cidadão de bem
- PUBLICIDADE -