Início Saúde Rede Municipal já está vacinando meninos contra o HPV

Rede Municipal já está vacinando meninos contra o HPV

- continua após a publicidade -

Para vacinar os meninos na faixa etária de 12 e 13 anos contra o HPV, a Secretaria da Saúde de Ribeirão Preto realizou a capacitação dos profissionais de saúde e o abastecimento das 38 salas de vacinas do município.

A meta é vacinar pelo menos 80% da população-alvo, estimada em 10 mil meninos. HPV é a sigla em inglês para papiloma vírus humano, capazes de infectar a pele ou as mucosas. Existem mais de 150 tipos, sendo que cerca de 40 podem infectar o trato ano-genital.

Para alcançar a meta da vacinação, além da divulgação na mídia e no portal da Secretaria da Saúde de Ribeirão Preto, também vem sendo providenciada a vacinação por meio de comunicados, cartazes e panfletos distribuídos nas escolas do município, direcionados aos pais e alunos, sobre a importância da imunização.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

O Brasil é o primeiro país da América do Sul e o sétimo do mundo a oferecer a vacina contra o HPV para meninos em programas nacionais de imunizações. A faixa-etária será ampliada, gradativamente, até 2020, quando serão incluídos os meninos com nove até 13 anos.

O esquema vacinal para os meninos contra HPV é de duas doses, com seis meses de intervalo entre elas. Para os que vivem com HIV, a faixa etária é mais ampla (9 a 26 anos) e o esquema vacinal é de três doses (intervalo de 0, 2 e 6 meses). No caso dos portadores de HIV, é necessário apresentar prescrição médica.

Atualmente, a vacina HPV para meninos é utilizada como estratégia de saúde pública em seis países (Estados Unidos, Austrália, Áustria, Israel, Porto Rico e Panamá). Portanto, o Brasil assegura a sétima posição e a vanguarda na América Latina. A vacina é totalmente segura e aprovada pelo Conselho Consultivo Global sobre Segurança de Vacinas da Organização Mundial de Saúde (OMS).

Meningite – Nas salas de vacinas das Unidades de Saúde do município estão também disponíveis a vacina Meningocócica C conjugada para adolescentes de 12 a 13 anos. É apenas uma dose e trata-se de uma vacina de extrema importância, que previne contra o tipo de meningite de maior incidência na região. A população-alvo é de cerca de 20 mil meninos e meninas nessa faixa etária.

- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -
- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

Vanderley Caixe (PC do B) tem candidatura cancelada

Essa foi a terceira impugnação imposta pela Justiça Eleitoral.

Faculdade Cultura Inglesa lança cursos gratuitos para preparar para o ENEM

Serão três versões disponíveis para os alunos: em Língua Inglesa, Língua Portuguesa e, por último, Preparatório ENEM: Literatura

Em meio à sua pior crise, setor de restaurantes e bares terá aumento do ICMS em São Paulo

João Doria publicou diversos decretos alterando a legislação do ICMS, com a finalidade de aumentar a arrecadação do imposto, para superar o rombo ocasionado pelo #fiqueemcasa

Pacientes diagnosticados com câncer contam com direitos e benefícios médicos e tributários

Especialistas comentam quais são os benefícios, importantes para assegurar o custeio dos tratamentos médicos necessários

Conferência Bíblica Mundial online 2020 com o Pastor Ock Soo Park

A Grande Conferência Bíblica Mundial online abordará o tema “O tempo para a desesperança acabou, é tempo de superar”.