Início Região Matão Tragédia: Caminhão cai num penhasco em estrada vicinal e mata três pessoas

Tragédia: Caminhão cai num penhasco em estrada vicinal e mata três pessoas

- continua após a publicidade -

Um acidente na vicinal Carlos Fernando Malzoni entre Motuca e Matão matou três pessoas na manhã desta sexta, 21. As vítimas são um casal e uma adolescente de 16 anos. Uma criança que estava num caminhão foi levada para um hospital de Matão.

Segundo o apurado, um caminhão que levava tijolos saiu da pista e caiu num penhasco de 5 metros, as pessoas que estavam no veículo e que seriam do  distrito de Taquaral, ficaram presas nas ferragens.

O local de difícil acesso para os bombeiros.
As causas do acidente são desconhecidas e devem ser apuradas por uma investigação policial.

São vítimas fatais: o motorista Rafael Chiarotto, 20 anos, Ingrid Barros, 21 e Gustavo Araújo 16.
O acidente se deu na rotatória do Romão.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Parede falsa escondia respiradores novos em hospital dizem funcionários

Em Ribeirão Preto menos de 1% do dinheiro enviado pelo gov. Federal foi usado, estados com respiradores comprados em adega, e proibição do tratamento precoce. A morte é um grande negocio.

Com R$ 166 milhões em caixa, prefeitura gastou 0,65% com medicamentos para Covid

Quebrar o pequeno comerciante e fazer obras faraônicas, é a marca deste prefeito que se mostra um capacho do governo de SP

Ribeirão Preto abre hoje (17) agendamento para 2ª dose da CoronaVac em idosos de 69 a 71 anos

Cadastro pode ser feito pela internet ou por telefone. Ao todo, são 13,1 mil vagas disponíveis.

Novos exames mostram que câncer se espalhou pelo corpo de Covas

O câncer atingiu fígado e ossos, em 2019 foi descoberto um tumor no estômago, mas sofreu metástase e se espalhou

Ribeirão Preto já aplicou mais de 133 mil doses de vacina contra a Covid-19

Aproximadamente 47 mil munícipes, entre profissionais da saúde e idosos, já receberam a segunda dose da imunização
- PUBLICIDADE -