Início Cidades Prefeitura de Ribeirão fica proibida de implantar plataforma em frente a catedral

Prefeitura de Ribeirão fica proibida de implantar plataforma em frente a catedral

- continua após a publicidade -

A Prefeitura de Ribeirão Preto, juntamente com a Transerp, empresa que gerencia o trânsito e o transporte coletivo de Ribeirão Preto, assinaram, junto ao Ministério Público, um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), para a implantação das plataformas da Estação Praça das Bandeiras. A assinatura do TAC ocorreu na tarde desta sexta-feira, dia 05 de agosto.

No documento, as partes concordam com a implantação exclusiva das plataformas de embarque e desembarque no entorno da Praça das Bandeiras, nas ruas Américo Brasilense e Visconde de Inhaúma, nos precisos termos do projeto aprovado pelo Condephaat.

Assim, fica proibida, até a deliberação do Condephaat, qualquer intervenção na Praça das Bandeiras, visando a implantação de plataforma na rua Florêncio de Abreu.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Avenida Mogiana será interditada nesta segunda, dia 25

Bloqueio será para obras do programa Ribeirão Mobilidade, para construção do corredor de ônibus Norte/Sul 2 e 3

Distribuição de vacinas da AstraZeneca/Oxford deve começar neste sábado em todo o Brasil.

Brasil receberá 2 milhões de doses da vacina produzida na índia. Instituto FioCruz vai conferir e distribuir as doses para todo o país.

João Dória mente para a população e coloca todo o estado na Fase Vermelha.

Para o aprendiz de ditador e sua equipe a culpa é apenas da população. Ribeirão Preto entra para a fase vermelha aos finais de semana e após às 20hs durante a semana.

João Dória deve definir lockdown aos finais de semana e após às 20hs em dias de semana.

João Dória deve anunciar medidas com mais restrições para o estado aos finais de semana e toque de recolher durante a semana.

Startup de Ribeirão Preto tem apoio da ANVISA para avançar estudo de vacina contra COVID-19.

Empresa de Ribeirão Preto recebe o apoio da ANVISA para submeter os estudos no desenvolvimento de uma vacina contra o Coronavírus.
- PUBLICIDADE -