Início Cidades Condephaat libera as obras das plataformas da Estação Catedral

Condephaat libera as obras das plataformas da Estação Catedral

- continua após a publicidade -

prefeita_estacao_onibus_fotojfpimenta__mgs0454_(7)Na tarde desta segunda-feira, dia 16 de maio, a prefeita Dárcy Vera, acompanhada do Secretário de Obras, Abranche Fuad Abdo, e do diretor superintendente da Transerp William Latuf, tornou pública, em coletiva no Palácio Rio Branco, a informação de que o Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico Arqueológico, Artístico e Turístico (Condephaat) liberou as obras do conjunto de plataformas de embarque e desembarque, na Praça das Bandeiras, denominadas de Estação Catedral.
Conforme publicação do órgão no Diário Oficial do Estado, somente as duas plataformas a serem construídas na rua Florêncio de Abreu, em frente à igreja, ainda aguardam deliberação do órgão.
O secretário Abranche Fuad Abdo afirmou que com a decisão as obras serão retomadas ainda nesta semana.

“Vamos concluir a obra da Visconde de Inhaúma e iniciar os serviços das plataformas na rua Américo Brasilense o mais rápido possível”,

salientou.

De acordo com o superintendente da Transerp, William Latuf, a liberação das plataformas, que estavam suspensas pelo Condephaat desde o início de abril, ocorreu depois de uma visita técnica feita por uma comissão de representantes da prefeitura ao Conselho para esclarecer as imprecisões contidas nos relatórios apresentados pela Catedral Metropolitana.

“Estivemos em reunião com o Condephaat e explicamos cada item apresentado nos relatórios da Igreja”,

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

disse Latuf, citando como exemplo de imprecisão, o aumento do número de ônibus em circulação no entorno da Catedral.

“O relatório informava que o número de ônibus iria dobrar no local. Isso não procede. Não haverá este tipo de aumento. A quantidade de ônibus permanecerá a mesma”,

disse William.
Para a prefeita Dárcy Vera, as obras terão por objetivo proporcionar maior conforto aos usuários do transporte coletivo urbano, principalmente em relação ao deslocamento e questões climáticas.

“Vamos modernizar os pontos de ônibus. As plataformas serão cobertas, terão proteção lateral, portas e catracas. Tudo em vidro com a valorização da vegetação. Quando os ônibus pararem todas as portas do ônibus se abrirão para entrada e saída dos passageiros. Ninguém mais vai tomar chuva para embarcar na Estação Catedral.”,

disse a prefeita.
A chefe do Executivo ressaltou ainda que a Administração Municipal já vem realizando diversas melhorias para o transporte público em Ribeirão Preto.

“Com a nova licitação nós conseguimos o vale transporte gratuito para os estudantes das escolas públicas, conseguimos os terminais ao lado da Rodoviária, ampliamos as linhas de ônibus, fizemos os corredores do ônibus. Além da Estação Catedral, também estamos construindo estações no José Sampaio, Bonfim Paulista, São José, Vila Abranches e Ribeirão Verde”,

ressaltou.
Também participaram da coletiva, diretor de Transporte da Transerp, José Mauro de Araújo; o arquiteto da Secretaria do Planejamento Urbano, José Antônio Lanchoti; e o chefe de Gabinete da Prefeita, Luiz Rufino.

 

- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -

 

Ludson Aiello

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

Setembro termina quente e outubro começa um forno

A frente fria já se afastou e é o ar seco e quente que está ganhando força novamente sobre o Brasil. A temperatura está em elevação.

Chegada do Pix impulsiona surgimento de novos bancos

A modernização do Sistema Financeiro Nacional prevista para novembro, e encabeçada pela chegada de inovações como Pix (pagamento instantâneo) e open banking

Vote: Com quem o próximo prefeito de Ribeirão Preto deve estar alinhado?

Com qual política você espera que o próximo prefeito de Ribeirão Preto esteja alinhado? Vote na enquete e informe a sua opinião.

PF realiza operação contra desvio milionário no SUS

Entre os crimes investigados pela Justiça estão peculato e falsidade ideológica

Câmara aprova ampliação de validade de CNH para 10 anos

Quanto à pontuação: estabelece uma gradação de 20, 30 ou 40 pontos em 12 meses