Home » Economia » Paulo César Garcia Lopes é reeleito presidente do SINCOVARP

Paulo César Garcia Lopes é reeleito presidente do SINCOVARP

O empresário Paulo César Garcia Lopes foi reeleito presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Ribeirão Preto e Região (SINCOVARP). Lopes e a nova diretoria estarão à frente da instituição com 75 anos de atuação pelo desenvolvimento do comércio varejista de 2018 a 2022. A votação aconteceu na sede do Sindicato em 30 de novembro. A primeira gestão de Lopes foi de 2014 a 2017. Na ocasião, ele deu continuidade ao trabalho de seu antecessor, Pedro Abrahão Alem Neto.

“Fico feliz em poder atuar por mais um período no SINCOVARP. Sempre participei ativamente da instituição. O meu objetivo é promover constantemente ações em defesa dos nossos filiados. A capacitação fará parte dos meus propósitos mais uma vez. Uma cidade forte precisa de um comércio forte. O foco do Sindicato é ajudar a nossa região a crescer economicamente”, comenta Lopes.

O SINCOVARP é o representante máximo do setor em Ribeirão Preto e em mais 43 municípios que compõem sua base territorial, com cerca de 15 mil filiados. Além de liderar o comércio varejista local e regional e defender os interesses do setor, a instituição também organiza inúmeras iniciativas que visam fortalecer o varejo e fomentar o desenvolvimento socioeconômico.

 

Diretoria 2018-2022

Presidente: Paulo César Garcia Lopes

1º – Vice-presidente: João Luiz Bignardi

2 º- Vice-presidente: Orlando Rodrigues Junior

1º – Secretário: Hernane Augusto Santos da Silva

2º Secretário: Benedito José Caturelli

1º Tesoureiro: Adolpho Nicola Sassarolli

2º Tesoureiro: Judemar de Oliveira


Suplentes:

Rui Flávio Chúfalo Guião

Stélio Fernando Telles Robusti

Eder John Mialich

Alexandre Lucca Cabarite

 

Conselho Fiscal:

Adair Francisco da Silva

Lino Strambi

Samir Najar

 

Suplentes:

Rosemary Vanzela

Reginaldo Lorenço

Marcio Luiz Casadio

 

Delegados:

Pedro Abrahão Alem Neto

Paulo César Garcia Lopes

 

Suplentes:

Orlando Rodrigues Junior

João Luiz Bignardi

Comente

Deixe uma resposta