InícioSaúdeGCMs realizam doação de sangue em Ribeirão Preto

GCMs realizam doação de sangue em Ribeirão Preto

Ação contribuiu com o estoque de sangue do hospital São Lucas; tipos O-, O+ e A - são os mais críticos, com menos da metade das bolsas necessárias

- continua após a publicidade -

Ação contribuiu com o estoque de sangue do hospital São Lucas; tipos O-, O+ e A – são os mais críticos, com menos da metade das bolsas necessárias

Na manhã desta quinta-feira, dia 29 de julho, 20 oficiais da Guarda Civil Metropolitana (GCM) de Ribeirão Preto foram ao banco de sangue do Hospital São Lucas fazer doação solidária. A quantidade de GCMs foi reduzida para evitar aglomerações, por causa da pandemia da COVID-19.

arquivo

A doação de sangue é um ato voluntário de extrema importância, pois o sangue humano não pode ser fabricado artificialmente. Sendo assim, a única forma de salvar a vida de pacientes que precisam de transfusão sanguínea é através deste gesto de amor e solidariedade. Em muitos casos, a transfusão de sangue é a única esperança de vida aos pacientes.

“Estamos vivendo uma pandemia que acaba refletindo nos estoques de sangue. Essa ação vai ajudar a minimizar as dificuldades que os hemocentros têm enfrentando atualmente. A Guarda Civil Metropolitana não poderia deixar de ajudar nossa população”, afirmou Domingos Fortuna, superintendente da GCM.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Para fazer doação ao banco de sangue do Hospital São Lucas, não é obrigatório agendamento de horário, basta que o doador compareça à rua Quintino Bocaiúva, 975 – Vila Seixas, de segunda a sábado, das 7h às 18h. Entretanto, para facilitar os procedimentos, é possível agendar a doação no site da instituição.

A doação é um procedimento totalmente seguro. O volume coletado é de aproximadamente 450 ml (padrão internacional), o que representa uma fração muito pequena do total de sangue de um adulto.

As bolsas de sangue coletadas anualmente no país são 3,5 milhões, insuficientes para atender à demanda. O ideal, segundo o Ministério da Saúde, é alcançar 5,7 milhões de bolsas a cada ano.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Menor NÃO: Ministro destaca eventos adversos em adolescentes vacinados

Segundo Queiroga, foram identificados 1,5 mil eventos adversos em adolescentes imunizados. “A OMS não recomenda a vacinação de adolescentes

Teatro Municipal lança edital de ocupação do 1° semestre de 2022

Inscrições começaram dia 15 de setembro e vão até 15 de outubro

Avenida Thomaz Alberto Whately tem nova interdição para obras

Bloqueio ocorre para obras do trecho 1 do corredor de ônibus Norte-Sul pelo programa Ribeirão Mobilidade

IMPORTANTE COMPARTILHE: Anvisa e Min. da Saúde NÃO Recomendam a vacinação para Menores de 18 Anos

Não se vê veículos de imprensa ou governantes falando sobre o assunto, muito pelo contrario continuam incentivando a vacina que não tem teste para menores de 18 anos

Vacinados já são 81,7% dos internados em SP

Do total de hospitalizados, 51,6% (325 doentes) já foram totalmente imunizados, com as duas doses, (34,6%) com Coronavac.
- PUBLICIDADE -