InícioRegiãoCássia dos CoqueirosFábrica clandestina de cigarros é fechada

Fábrica clandestina de cigarros é fechada

O espaço era grande e tinha total estrutura para produção irregular dos cigarros e até mesmo para venda com "Caixas, maquinários, embalagens, uma estrutura completa.

- continua após a publicidade -

Uma fábrica clandestina de cigarros foi fechada pela Polícia Civil de Cássia dos Coqueiros, nesta sexta-feira (17). O estabelecimento funcionava em galpão, próximo a estrada da cidade, que dá acesso a Santo Antônio da Alegria.

O espaço era grande e tinha total estrutura para produção irregular dos cigarros e até mesmo para venda com “Caixas, maquinários, embalagens, uma estrutura completa. 

Segundo os policiais quando entram no barracão, havia um compartimento secreto, aberto. É possível que tivesse pessoas lá dentro, que fugiram assim que chegamos. Como se fosse uma saída de emergência falsa que dá acesso à mata do fundo. A gente acredita que houvesse mais pessoas aqui trabalhando. Assim que perceberam a presença da polícia, fugiram”, explica.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Cerca de 40 mil pessoas não retornaram para receber a segunda dose da vacina contra Covid-19

Dados são Vigilância Epidemiológica, que conclama a população a procurar os postos de vacinação e manter o controle da doença

“Concertos Internacionais” apresenta homenagem a Astor Piazzolla

Concerto será transmitido no dia 23 de outubro, às 19h, como parte das comemorações de 91 anos do Theatro Pedro II

Nogueira quer que você receba agua do Rio Pardo nas torneiras

Hoje a agua do DAERP é do aquífero guarani, uma agua mineral será substituída por aguas do Rio Pardo. Você aprova esta mudança?

Atenção: Alerta para tentativa de golpe contra aposentados

Instituto de Previdência orienta beneficiários a não informar dados pessoais ou bancários

Ditador Moraes manda prender e extraditar Allan dos Santos

Se não estamos vivendo em uma ditadura do judiciário, o que se compara com atitudes destes loucos? Maduro, Chaves, Alexandre de Moraes...
- PUBLICIDADE -