InícioPolíticaEleiçõesTemer prevê transição tranquila para o próximo governo

Temer prevê transição tranquila para o próximo governo

- continua após a publicidade -

O presidente Michel Temer garantiu hoje (16) que fará uma “transição tranquila”, independentemente de quem seja eleito presidente da República nestas eleições, durante palestra na Associação Comercial do Paraná. Segundo ele, a fim de facilitar a transição, está sendo preparado um livro contendo os feitos do atual governo, bem como medidas que deverão ser implementadas pelo futuro governo.

“Me dão a tribuna em um momento de quase transição, porque a partir do dia 28 [de outubro] vamos entrar numa transição governamental, que pretendo fazer com a maior tranquilidade.

O presidente Michel Temer garantiu hoje (16) que fará uma “transição tranquila”, independentemente de quem seja eleito presidente da República nestas eleições, durante palestra na Associação Comercial do Paraná. Segundo ele, a fim de facilitar a transição, está sendo preparado um livro contendo os feitos do atual governo, bem como medidas que deverão ser implementadas pelo futuro governo.

“Me dão a tribuna em um momento de quase transição, porque a partir do dia 28 [de outubro] vamos entrar numa transição governamental, que pretendo fazer com a maior tranquilidade.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Teremos pouco mais de dois meses. Já estamos nos organizando com o livro da transição para o que foi feito e o que resta a fazer”, disse o presidente.

Temer lamentou o fato de não ter recebido do governo anterior ajuda similar à que pretende dar ao governo que será eleito no pleito do dia 28. “Quando cheguei [à Presidência, após o impeachment de Dilma Rousseff], não havia ninguém e, nos computadores, não havia dado nenhum. Tudo foi retirado. Tivemos de começar do zero”, disse o presidente.

“Não tivemos transição de espécie alguma, o que institucionalmente é incorreto, porque as pessoas não têm de se pautar pelas emoções momentâneas, mas pelos critérios da Constituição Federal. Por isso que digo, faremos uma transição muito tranquila àquele que for eleito no dia 28 de outubro”, completou.

De acordo com o presidente, as eleições servem não apenas para definir quem será o mandatário do país, mas para eleger também quem será a oposição. O problema, acrescentou, é que no Brasil o conceito de oposição não é jurídico, e sim político, o que, segundo ele, dificulta a unidade do país em torno da proposta vencedora.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

60 anos esperando titulo Comercial pode sair da fila

Com acesso garantido, Comercial busca 1º título de uma divisão de Paulista em 64 anos. O time terá força máxima no primeiro jogo da final, sábado às 19h, em Bauru

Iguatemi passa a integrar a maior iniciativa voluntária de sustentabilidade corporativa do mundo

A Iguatemi S.A, uma das maiores empresas full service no setor de shopping centers do país, acaba de ingressar no Pacto Global da ONU...

ACIS completa 53 anos de dedicação ao setor empresarial sertanezino; conheça a história da entidade

Fundada em 25 de maio de 1969, na época contou com a adesão de 70 associados. Os comerciantes locais sentiam dificuldades de se organizar para enfrentar determinados problemas

O bilionário Elon Musk chega hoje(20) ao Brasil para conversar com Bolsonaro

O homem mais rico do mundo visita o Brasil a convite do ministro Fábio Faria

Cinema do Shopping Iguatemi Ribeirão Preto exibe pré-estreia de Top Gun: Maverick

Maverick será lançado oficialmente no dia 26 de maio, entretanto, os fãs poderão se adiantar e aproveitar as sessões de pré-estreia, que acontecem de 21 a 25 de maio
- PUBLICIDADE -