InícioPolíticaBandido de 15 anos vivia achincalhando a sociedade em suas redes sociais

Bandido de 15 anos vivia achincalhando a sociedade em suas redes sociais

O bandido "di menor" vivia postando fotos com armas, drogas, bebidas e dinheiro em suas redes sociais. Onde estavam os que geraram este delinquente?

- continua após a publicidade -

A Polícia Civil de Ribeirão Preto apreendeu o menor infrator (15) que confessou ter atirado no tórax do engenheiro elétrico Sérgio Ferreira Lima. “Atirou porque sentiu vontade”

O bandido “di menor” vivia postando fotos com armas, drogas, bebidas e dinheiro em suas redes sociais. Onde estavam os que geraram este delinquente?

Agora detido na fundação casa, terá 5 refeições por dia, banho de sol, partidas de futebol e será considerado como um “bom bandido” pois foi manchete em todos os veículos de imprensa.

Um canalha como este pode fazer filhos, beber e se drogar, roubar e matar, mas não pode trabalhar.

foto arquivo
- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Os parentes apoiam e escondem o criminoso

O assassino estava acoitado em casa de parentes na cidade de Pontal, desde o latrocínio.

Um dos celulares roubados na ação criminosa foi localizado enterrado em uma plantação de amendoim, nas proximidades do condomínio onde o crime ocorreu.

Na sexta-feira (11) outro envolvido no latrocínio, Deived Ferreira (19), foi preso no Parque Ribeirão, zona Sudoeste da cidade.

Um terceiro comparsa, também menor de idade, ainda não foi localizado.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Com dois a menos, Palmeiras se classifica na libertadores

10 SEMIS DE #LIBERTADORES NA HISTÓRIA! 10 CLASSIFICAÇÕES CONSECUTIVAS EM MATA-MATA NO TORNEIO! 10 PASSAGENS DE FASE EM #LIBERTADORES EM CASA!

Patriotas vão para Paulista: Ribeirão inicia preparativos para o desfile de 7 de Setembro

Em Ribeirão vários grupos se organizam para participar das manifestações em São Paulo, dia que esta sendo considerado o mais importante dos últimos 200 anos. Confira como participar.

WhatsApp lança novas ferramentas para garantir mais segurança e privacidade aos usuários

As funções do aplicativo de mensagens estão em fase de testes, mas devem chegar ao público em breve

Vereador esquerdista que defende mulheres deve cumprir medida protetiva com a ex-namorada

a vítima se sente perseguida e agredida moralmente e psicologicamente pelo autor

“Funcionário” recebe R$ 22 mil por mês da Câmara para estudar Direito na USP em período integral

Trabalhar por que? Se nem os vereadores fazem isso, o O acadêmico em questão é Saulo Wellington Marchiori Magron, lotado no cargo de agente de administração
- PUBLICIDADE -