Início Policial Após 19 anos Cury é condenado a 9 anos mas sai pela...

Após 19 anos Cury é condenado a 9 anos mas sai pela porta da frente

- continua após a publicidade -

Em júri popular com quase 12 horas de julgamento no Fórum de Ribeirão Preto, o usineiro Marcelo Cury, foi condenado nesta quinta-feira (25) a 9 anos de prisão pelo assassinato de João Falco Neto, ocorrido no dia 5 de abril de 1997. Apesar da sentença, ele saiu pela porta da frente e vai responder em liberdade.

Ainda foi condenado por homicídio culposo de Marco Antônio de Paula e pela tentativa de homicídio de Sérgio Alberto Nadruz Coelho, cujas penas já prescreveram.

O promotor de acusação do Eliseu Berardo considerou “um deboche” um laudo apresentado pela defesa de Marcelo Cury no júri do caso, na tarde desta quinta-feira, 25.
Ele aponta que o documento preparado pelo perito Ricardo Molina é um “ato de má fé”, e que é o último recurso utilizado pela defesa depois de diversos recursos para adiar o julgamento.

“O Marcelo contratou os melhores profissionais, e por isso estamos aqui 19 anos depois. O Marcelo sempre teve crença na impunidade”, afirmou o promotor, que também não eximiu as vítimas de serem pessoas “briguentas”, como definiu.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Antes do julgamento familiares fizeram uma manifestação em frente ao fórum, mas com o resultado do julgamento não podem se dar por satisfeitos.

Embora o crime tenha ocorrido há 19 anos, Cury nunca havia sido julgado e conseguiu postergar o júri graças a manobras jurídicas. Foi defendido pelo ex-ministro da Justiça Márcio Thomaz Bastos (1935-2014) e, atualmente, é cliente do escritório de Antônio Cláudio Mariz de Oliveira.

O promotor considerou a decisão “lamentável”. “E vai recorrer em liberdade, acredite se quiser”, disse.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Confira os gabaritos das provas do primeiro dia do Enem

Primeiro dia teve provas de linguagens e ciências humanas.

Ribeirão Preto inicia vacinação de idosos internados em asilos

Ribeirão Preto recebeu 9.680 doses da vacina produzida pela Universidade de Oxford em parceria com a Astra Zeneca

GCM doa sangue ao Hemocentro de Ribeirão

Para contribuir com o estoque de sangue do hemocentro, a Prefeitura realizará campanha de conscientização

Fundet convoca estagiários de processo seletivo

Os selecionados são alunos do ensino médio e superior que farão estágio no serviço público municipal

Amigos do prefeito: Vereadores que não foram reeleitos conseguem cargos na administração

Como diz o ditado. " quem tem padrinho não morre pagão". Vereadores amigos de Nogueira conseguem uma boquinha
- PUBLICIDADE -