InícioFutebolBotafogoDescendo a ladeira: Botafogo perde mais uma

Descendo a ladeira: Botafogo perde mais uma

O Pantera volta a campo agora no dia 27 (domingo), às 11h, quando enfrenta o Oeste no Estádio Santa Cruz, pela quinta rodada da competição.

- continua após a publicidade -

O Botafogo perdeu do Ypiranga por 3 a 0, neste domingo (20), no Estádio Colosso da Lagoa, em Erechim, pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro da Série C.

Com o resultado, o Tricolor continua na quinta colocação com seis pontos –mesma pontuação do Mirassol, quarto colocado e que tem um jogo a menos.

O Mirassol entra em campo ainda neste domingo, quando visita o Figueirense, que está na sexta posição com quatro pontos.

O Pantera volta a campo agora no dia 27 (domingo), às 11h, quando enfrenta o Oeste no Estádio Santa Cruz, pela quinta rodada da competição.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

O JOGO

O Botafogo entrou em campo com três modificações em relação ao time que foi derrotado pelo Mirassol. No sistema defensivo, Diego Guerra substituiu Fabão, lesionado. No meio de campo, Emerson retornou na vaga de Bolt. Já a terceira novidade foi o volante Caetano, que entrou no lugar do atacante Luketa.

Assim, o Tricolor entrou no esquema 4-4-2.

O começo da partida foi muito movimentado. Logo no primeiro minuto, Quirino cabeceou e o goleiro Igor Bohn fez boa defesa. Seis minutos depois, o Pantera respondeu numa cobrança de falta de Rodrigo que passou raspando a trave do goleiro rival.

Depois deste lance, o Ypiranga marcou duas vezes em jogadas aéreas. Aos 11 minutos, Jonathan cobrou escanteio e Reinaldo abriu o placar. Aos 26 minutos, o lance se repetiu. Jonathan bateu novo escanteio e Quirino ampliou. Dois minutos depois, Sodré finalizou no canto e ampliou para 3 a 0.

Antes do segundo e terceiro gols do adversário, o Botafogo teve oportunidades com Bruno Michel e Neto, mas não conseguiu marcar.

Com o placar adverso, o Botafogo tentava diminuir o placar. Argel colocou ainda no primeiro tempo Luketa no lugar de Emerson. Aos 31 minutos, Caetano colocou no ângulo e o goleiro Deivity fez linda defesa. Dez minutos depois, Luketa tentou e acertou a rede pelo lado de fora.

No segundo tempo, Argel colocou Hélio Paraíba e Ariel. A equipe teve o domínio territorial, mas não conseguiu encontrar espaços. O treinador botafoguense ainda promoveu a estreia de Walter.

As duas melhores chances foram numa finalização de Gustavo Xuxa, que saiu por cima do travessão, e na cobrança de falta de Pará. A bola foi no ângulo e o goleiro Allan fez linda defesa.

FICHA TÉCNICA

YPIRANGA-RS X BOTAFOGO
LOCAL: Estádio Colosso da Lagoa
DATA: 20 de junho (domingo)
HORÁRIO: 11h (de Brasília)

ÁRBITRO: José Henrique de Azevedo Junior
ASSISTENTES: Antônio Adriano de Oliveira e Raphael Max Borges Pereira

GOLS: Reinaldo, aos 11 do primeiro tempo, Quirino aos 26 do primeiro tempo e Sodré aos 28 do primeiro tempo (Ypiranga-RS).

CARTÕES AMARELOS: Mikael e Quirino (Ypiranga-RS); Diego Guerra, Caio e Luketa (Botafogo).

YPIRANGA-RS: Deivity (Allan); Muriel, Reinaldo, Kanu e Jonathan; Mikael (Robson), Clayton e Sodré (Luiz Felipe); Silvano (Dija Baiano), Dico (Erick) e Quirino. Técnico: Junior Rocha.
BOTAFOGO: Igor Bohn; Rodrigo, Diego Guerra, Matheus Santos e Pará; John Everson, Caetano (Rafael Tavares), Emerson (Luketa) e Gustavo Xuxa (Walter); Bruno Michel (Ariel) e Neto Pessôa (Hélio Paraíba). Técnico: Argel Fuchs.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Prefeitura inaugura duas novas escolas de educação infantil

Uma Unidade conta com 319 vagas, sendo 135 para crianças e outra para receber 420 alunos

João Rock anuncia 19ª edição para 11 de junho de 2022

Evento apresentará line-up e iniciará pré-venda de ingressos no dia 26 de outubro

Prainha de Rifaina reabre dia 03 de Novembro

Fechada desde março de 2020, afetou o turismo e comercio, obrigando muitos fecharem em definitivo.

Bolsonaro cria auxílio gás para famílias carentes

Saiba quem tem direito ao beneficio e como solicitar.

Como sempre turminha do PT usam retorica e chama vereadores de ‘machista, racista e elitista’

Por ser mulher e do PT a vereadora exige que seus projetos caminhem mais rápido do que os demais. Com salario e mordomia que recebe ela não faz parte da elite?
- PUBLICIDADE -