Início Cidades Corredor de ônibus da D. Pedro I começa a receber nova pavimentação

Corredor de ônibus da D. Pedro I começa a receber nova pavimentação

Fase começará pela Av. Luiz Galvão Cezar; na Av.Saudade, equipe finaliza parte de drenagem. Corredores serão os maiores da cidade, com 5,53 km e 5,28 km cada

- continua após a publicidade -

Iniciadas em janeiro de 2020, as obras de implantação dos corredores de ônibus nas avenidas Dom Pedro I e Saudade seguem o cronograma de execução.

Com 70% da parte de drenagem concluída, o corredor Dom Pedro passará, nesta semana, para a etapa de pavimentação, começando pela avenida Luiz Galvão Cezar.

Já o corredor Saudade segue na etapa de drenagem, com instalação de redes de água e esgoto, limpeza, restauração e construção de bocas de lobo.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

No total, serão 201 novas bocas de lobo ao longo dos corredores, com restauração de 32 unidades e implantação de 42 poços de visita.

Foto arquivo

As galerias de águas pluviais também passam por ampliação do diâmetro com o objetivo de melhorar o escoamento da água e, assim, diminuir os pontos de alagamento em dias de chuva.

A pavimentação das vias seguirá o padrão dos corredores: a faixa de ônibus receberá abertura da caixa asfáltica em 45 centímetros para reforçar o pavimento, em função do tráfego intenso e do peso dos veículos.

Em frente aos pontos de parada, o asfalto será concretado em 35 metros de extensão, para evitar desgaste por frenagem e aceleração.

As demais faixas receberão fresagem e recapeamento ao longo de todas as vias que formam o corredor, além da reestruturação das guias e sarjetas.

“Os corredores Dom Pedro I e Saudade irão beneficiar diretamente cerca de 2,5 milhões de usuários do transporte coletivo em Ribeirão Preto. Com 5,53 e 5,28 quilômetros de extensão, respectivamente, estes serão os maiores corredores da cidade e contemplam, também, ciclovias nas avenidas Luiz Galvão Cezar, Octávio Golfeto e Francisco Maggioni, totalizando 2,92 quilômetros de extensão”, afirmou o prefeito Duarte Nogueira.

- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -

A empresa Coesa Engenharia foi contratada, via licitação, por R$ 39.740.679,60, uma economia de 13,29% aos cofres públicos se comparado ao orçamento inicial, estimado em R$ 45.836.650,35. O prazo de execução é de 12 meses.

FOTO DIVULGAÇÃO

Estrutura do corredor de ônibus da avenida Dom Pedro I será implantado da Av. Fábio Barreto até a praça Amin Calil, Av. Mal Costa e Silva, Av. Capitão Salomão, Av. Dom Pedro I, Av. Luiz Galvão Cezar até a Rotatória Alceu Paiva Arantes.

Já o da avenida Saudade será da Av. Mogiana com a Av. Brasil (Praça Antônio Lopes Balau), Av. Brasil, Av. Saudade até a Avenida Francisco Junqueira, pegando um trecho da rua Fernão Sales entre a avenida Saudade e a rua São Paulo, além da rua São Paulo entre a rua Fernão Sales e a avenida Francisco Junqueira.

“A implantação contará com uma faixa exclusiva para ônibus por toda a extensão de cada eixo. Por todo o local, será instalada semaforização inteligente, que abre com a proximidade do ônibus para garantir fluidez e menor tempo de percurso, além de sinalização com botoeiras para pedestres e onda verde”, explicou o chefe do Executivo.

O projeto também contempla a revitalização de todo o passeio nos quarteirões em que houver ponto de ônibus, para garantir acessibilidade aos pedestres, principalmente àqueles com dificuldades de mobilidade. Todas as esquinas da avenida contarão com rampas de acesso para cadeirantes, com piso tátil direcional e de alerta indicando os pontos de espera e de travessia para deficientes visuais.

arquivo

“Essa obra irá facilitar e trazer melhorias para as comunidades da Dom Pedro I e do Ipiranga, que tanto merecem, assim como a avenida Saudade e rua São Paulo, que são importantes artérias da nossa cidade. Esses trechos receberão toda uma infraestrutura de pavimento, galerias, acessibilidade e, também, uma modificação completa na questão de sinalizações, tanto horizontais e verticais quanto semafóricas”, disse o secretário de Obras Públicas, Pedro Luiz Pegoraro.

Ribeirão Mobilidade

Os corredores Dom Pedro I e Saudade fazem parte dos 11 corredores de ônibus que serão implantados em Ribeirão Preto, totalizando 56 quilômetros, e das mais de 30 obras viárias previstas no Programa Ribeirão Mobilidade. Já foram iniciados os corredores das avenidas do Café, Dom Pedro I e Saudade.

Rota alternativa na Luiz Galvão Cezar

Um novo trecho da Avenida Luiz Galvão Cezar foi interditado na região norte de Ribeirão Preto (SP) na última quarta-feira (27) para a etapa de pavimentação. O bloqueio acontece na pista com sentido bairro-Centro, entre a rotatória da Avenida Alceu Paiva Arantes e a Rua Maria Tereza Braga Cerri.
De acordo com a Transerp, empresa que gerencia o trânsito na cidade, os condutores que desejam ir em direção à região central deverão acessar a avenida Alceu Paiva Arantes, contornar a rotatória da avenida Virgílio Soeira e seguir pela Rua Maria Tereza Braga Cerri até acessar a avenida Dom Pedro I.

arquivo

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

Governo vai socorrer demitidos na pandemia

Ministério da Economia propõe parcela extra do seguro-desemprego a quem deixou o trabalho por causa do vírus chinês

Novembro Azul alerta para diagnóstico e tratamento do câncer durante a pandemia

Ações on-line vão chamar a atenção dos homens para a saúde, já que 50 mil brasileiros deixaram de receber o diagnóstico de câncer na pandemia

Caso Marcius Melhem: De humorista sem graça a assédiador sexual

Estranho é ver os lacradores, que falam em respeito, mas não conseguem o mínimo do que vomitam pelos quatro cantos

Semana ‘Lixo Zero’ em Ribeirão Preto acontece até o dia 1º de novembro

Evento nacional traz atrações gratuitas e inteiramente virtuais

240 mil vagas em cursos gratuitos no primeiro Mutirão de Qualificação profissional de São Paulo

São mais de 30 opções de cursos em áreas como varejo, gestão, tecnologia e economia criativa; oportunidades são voltadas para a qualificação profissional para o mercado de trabalho, a jovens e a quem quer empreender