Início Variedades Beleza Miss RP chega com novidades e novo formato na edição 2019

Miss RP chega com novidades e novo formato na edição 2019

- continua após a publicidade -

No mês de maio, Ribeirão Preto recebe mais uma edição do Miss Ribeirão Preto, que chega em 2019 com muitas inovações e novo formato, mais moderno e dinâmico. As inscrições para o concurso estão abertas e vão até o dia 07 de dezembro.

Eder Ignácio, Coordenador do Miss Ribeirão Preto, explica que as etapas do concurso incluirão provas e dinâmicas que tem como objetivo, mostrar que as candidatas são muito mais que beleza e valorizar seus diferenciais, atitudes e comportamentos. “Nosso desafio é utilizar o concurso para empoderar as mulheres. Buscando uma linguagem acessível, apresentaremos nossas candidatas como num espetáculo de teatro ou musical. Todas elas participarão de uma imersão com os profissionais da equipe em que serão instigadas a mostrar quem é a mulher que ali habita além dos vestidos, maiôs, maquiagens e sapatos de salto alto” comenta Eder.

O concurso

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Considerado o maior concurso de beleza do Estado, o Miss Ribeirão Preto irá revelar a mulher mais bonita da cidade. As candidatas deverão demonstrar confiança e força, sem perder sua naturalidade.

Na intenção de acompanhar a atual organização do Miss São Paulo e Miss Brasil Be Emotion, nessa edição o concurso será realizado em forma de reality, com 12 episódios que serão transmitidos no canal do youtube, onde as candidatas terão que passar por vários desafios, provas e dinâmicas para provar que são muito mais que beleza. “Buscamos uma mulher completa, bonita sim, mas que seja antenada com a atual situação do seu país e do mundo, que tenha facilidade de desenvolver ideias, que seja coerente e sensível. Queremos uma mulher capaz de empoderar outras mulheres através de suas atitudes e comportamentos”, comenta o coordenador do concurso. 

Berço de Misses

A cidade de Ribeirão Preto é bicampeã no concurso “Miss São Paulo” com duas misses eleitas: Fernanda Leme em 2014, que chegou ao segundo lugar no Miss Brasil e Jéssica Vilela em 2015 que chegou ao terceiro lugar no Miss Brasil. A Miss Ribeirão Preto Marina Lemos conquistou o segundo lugar no Miss São Paulo em 2016. Em 2017, Marcela Araki foi eleita a Miss Ribeirão Preto.

Cronograma

O Miss Ribeirão Preto está na fase de inscrições que vai até o dia 07 de dezembro. A pré-seletiva acontece entre os dias 8 e 14 de dezembro. De janeiro a abril acontecem os 12 episódios que incluem as seletivas, o desafios e apresentação das candidatas. No mês de maio acontece a grande final do concurso.

O Miss Ribeirão Preto 2019 conta com o patrocínio do RibeirãoShopping. Mais informações pelo site missribeiraooficial.com.br ou pelo facebook.com/MissRPOficial

 

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

Você sabe qual motivo e inicio do feriado da Sexta-feira da Paixão?

Qual a relação entre a Páscoa judaica e a cristã? Mesmo tendo o mesmo nome (Pessach), dificilmente as datas coincidem no calendário

Prefeitura reconhece Óticas e empresas de Poda e Jardinagem como essenciais no período de quarentena

Desta forma esses estabelecimentos estão liberados para funcionar no período de quarentena.. As piscinas podem continuar criando dengue?

Globo se nega a participar de uma rede de emissoras em campanha contra o coronavírus

Buscando conscientização sobre coronavírus, Record, SBT e a Band estão veiculando uma campanha conjunta sobre a pandemia. Mas a Globo NÃO. Esta emissora é uma vergonha, e não merece ter a concessão do governo. Alardeiam aos quatro cantos colocando Pânico nos menos avisados, e se negam a oferecer informação conjunta com as demais. Confira os vídeos.

Fonte Covid-19: Pequenos negócios têm queda de 69% no faturamento

Um levantamento realizado pelo Sebrae apontou que 36% desses empresários afirmaram que será necessário fechar os negócios permanentemente

47% dos moradores nas favelas não têm água e quase 15% das famílias não têm sabonete, releva pesquisa

Além da escassez financeira, moradores sofrem com desabastecimento e têm que sair das comunidades para comprar alimentos e itens de higiene
- PUBLICIDADE -