Início Turismo Expoflora utiliza mais de 200 mil vasos de flores na exposição e...

Expoflora utiliza mais de 200 mil vasos de flores na exposição e nos jardins para receber visitantes

O título de maior exposição de flores e plantas ornamentais na América Latina não é concedido por acaso para a Expoflora

- continua após a publicidade -

O título de maior exposição de flores e plantas ornamentais na América Latina não é concedido por acaso para a Expoflora. Seu parque, de 250 mil m², tem flores por todos os lados: nos canteiros e jardins, nas árvores, nos postes de iluminação. Estão, também, na Exposição de arranjos florais, na Mostra de paisagismo e decoração e nos carros alegóricos da Parada de flores. Somadas, chegam a 230 mil em vasos e 270 mil em hastes. O evento – que atrai turistas de todo o Brasil – abre ao público na próxima sexta-feira, dia 30 de agosto, em Holambra, a 200 quilômetros de Ribeirão Preto.

Para qualquer lado que se olhe lá estão elas – as flores – oferecendo um show de cores, beleza, texturas e tamanhos, e demonstrando a possibilidade de utilização em jardins, dentro de casa e na decoração de eventos. Com o objetivo de apresentar ao público de todo o Brasil quais são as flores e plantas ornamentais que estarão disponíveis na primavera/verão, a Expoflora abre seu parque, em Holambra, para a maior exposição da América Latina.

O evento acontece entre os dias 30 de agosto e 29 de setembro (de sexta a domingo, das 9h às 19h). Holambra está localizada no interior paulista, próximo a Campinas, e a apenas 140 quilômetros da capital. Os ingressos custam R$ 52,00 e são vendidos nas bilheterias, no site www.ingressorapido.com.br e com os representantes informados no site www.expoflora.com.br.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Canteiros mais que floridos

Nos canteiros e jardins há cerca de 18 mil vasos de flores, entre sunpatiens, bromélias, orquídeas, cúrcumas, angelônias, hibiscos, dipladenias, pentas, antúrios, petúnias, bromélias, amaryllis, rosas, onze horas, coleus, lavandas, lírios e tuias.

Lançamentos e novidades em flores, como begônias e lírios “dupla face”, petúnias que parecem pintadas à mão, samambaias azuis, angelônias, portulacas, gynuras, pagodas, asplênios, pineas, verônicas e limoniuns coloridos estarão em exibição na Exposição de arranjos dos artistas florais e decoradores Jan Willem van der Boon e Jessica Drost que, no comando de uma equipe de 22 pessoas, assinam 12 cenários em uma área de 750 m². Eles estimam o uso de aproximadamente 2.000 mil vasos de flores e 272 mil hastes de mais de 3.500 variedades de cerca de 300 espécies diferentes para, por meio de arranjos de todos os tamanhos, contar sobre os costumes e a tradição holandesa.

Já nos 19 ambientes da Mostra de paisagismo e decoração foram plantados 7.500 vasos de flores e folhagens. Sob a coordenação da arquiteta Karina Taccola, os profissionais criaram jardins, quintais, varandas, salas de estar e espaços gourmets, entre outros, privilegiando o reuso de materiais. A ideia é também resgatar a memória e aliá-la às modernas soluções tecnológicas para garantir melhor qualidade de vida.

Carros alegóricos

- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Na Parada das Flores, são três carros alegóricos decorados pela artista floral Stans Scheltinga. O carro Ecoflora apresenta um moinho de vento em movimento rodeado por cerca de 400 orquídeas. O carro dos produtores de rosas das Cooperativas Veiling Holambra e Cooperflora traz o Leão Real, personagem do evento, em meio a mais de 2 mil hastes de rosas das mais diversas variedades e cores. E o carro da Cooperativa Veiling, representando cerca de 400 produtores de Holambra, mostra o casal de fazendeiros, ícone das porcelanas azuis de Delft, cercado por 200 vasos de flores diversas e arranjos com cerca de 300 hastes.

Somente nessas atrações as flores e plantas ornamentais, somadas, chegam a 230 mil em vasos e 270 mil em hastes. Mas não acaba aí. Para cada Chuva de pétalas são necessários 150 quilos de pétalas, que correspondem a 800 dúzias ou 18 mil botões de rosas. Em 15 dias de evento, são cerca de 270 mil botões de rosas despetaladas uma a uma. As flores são fornecidas por 25 produtores de Holambra e são guardadas em uma câmara fria especial para que as pétalas não murchem. Diz a tradição que quem consegue pegar uma pétala ainda no ar tem o seu desejo realizado.

Para as compras, o Shopping das flores oferece aproximadamente 380 diferentes variedades de flores e plantas ornamentais, das mais distintas cores e tamanhos. Tem, ainda, o Passeio turístico, que consiste em um city tour pela cidade de Holambra e uma visita a uma fazenda produtora de flores. Nessa fazenda, o visitante conhece como é a produção em estufas e pode caminhar por entre as flores do campo e tirar fotos em canteiros com painéis interativos. Nesses canteiros estão plantados crisântemos, tuias holandesas, sunpatiens, amarylllis e, também, girassóis. Os ingressos custam R$ 25,00 por pessoa. As saídas acontecem a cada 15 minutos, próximo ao palco das Rosas, dentro do Parque da Expoflora.

A Expoflora é realizada entre agosto e setembro para dar as boas-vindas à primavera. Trata-se da maior exposição de arranjos florais da América Latina, promovida em Holambra, antiga colônia holandesa e hoje um município de 15 mil habitantes que responde por quase a metade de todo o comércio brasileiro de flores e plantas ornamentais. O evento tem o patrocínio da Amstel, Coca-Cola Femsa, Água Mineral Crystal e Ultragaz, com o apoio do Banco do Brasil e da Prefeitura Municipal da Estância Turística de Holambra.Serviço
38ª Expoflora
Localização: Holambra – SP
Data: 30 de agosto a 29 de setembro de 2019, de sexta a domingo
Horário: das 9h às 19h
Ingressos: R$ 52,00 na bilheteria, no site www.ingressorapido.com.br e com os representantes informados no site www.expoflora.com.br

Outras atrações

Mas nem tudo são apenas flores no Parque da Expoflora. Entre as atrações também estão as danças típicas e a gastronomia holandesa, além de parque de diversões, minissítio e visita ao Museu de Holambra. No parque da Expoflora, grande parte da área é coberta para conforto dos visitantes.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

Institutos de pesquisas erram feio em Ribeirão Preto, Franca e mais 55 cidades

Em Ribeirão Preto e capital do estado o ibope, apresentava empate técnico, o que ficou longe do resultado final.

Ribeirão Preto deve ir para fase verde caso o deus de calça justa não mude as regras

Com o novo anormal, qualquer migalha oferecida pelos governantes são motivo de agradecimento.

Congresso de Líderes Cristãos terá uma nova edição com o tema “É tempo de superar”

Nos dias 02 a 05 de dezembro, em dois horários, às 09h da manhã e às 19h30min., terá uma nova edição do  Congresso de...

Aumento de restrições: Golpe armado para um dia após as eleições.

Comitê contra Covid-19 do governo de SP recomendou aumento de restrições.

Crime: Doria diz que vacina chinesa pode ser aplicada mesmo sem aval da Anvisa

O Instituto Butantan não entregou o resultado de nenhuma fase de pesquisa clínica com seres humanos para a Anvisa.