InícioTurismoAeroporto de Ribeirão Preto tem alta de 5,27% na movimentação de aeronaves...

Aeroporto de Ribeirão Preto tem alta de 5,27% na movimentação de aeronaves em 2019

De janeiro a dezembro do ano passado, foram 923.617 passageiros frente a 877.356, em 2018; DAESP investe R﹩ 4 milhões em aeroporto

- continua após a publicidade -

O Departamento Aeroviário do Estado de São Paulo (DAESP), órgão vinculado à Secretaria Estadual de Logística e Transportes, registrou alta na movimentação de embarques e desembarques e de pousos e decolagens no Aeroporto Estadual Dr Leite Lopes (Ribeirão Preto) em 2019. Desta forma, o aeroporto se mantém em 1º lugar no ranking em volume de passageiros dos 22, administrados pelo DAESP, em todo o Estado de São Paulo.

No comparativo de janeiro a dezembro do ano passado, frente ao mesmo período de 2018, houve aumento de 5,27%. Passaram pelos terminais do aeroporto 923.617 passageiros – em 2018, o número de usuários foi de 877.356. Também foi registrado um aumento de 15,81% nos pousos e decolagens. Em 2019, foram 34.929 contra 29.406, em 2018.

Todos os dados estatísticos podem ser acessados no site do DAESP, basta clicar no movimento operacional.

Investimentos

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Com investimento de R﹩ 4 milhões, o DAESP, entregou as obras de melhorias e ampliação nas cabeceiras da pista do Aeroporto Estadual dr Leite Lopes, em Ribeirão Preto.

“O Governo do Estado reduziu o ICMS que incide sobre o combustível de aviação, com o objetivo de criar novos voos no interior paulista. Além disso, o DAESP iniciou em 2019 um trabalho para ampliar a capacidade de seus aeroportos. Os dados consolidados de movimentação de passageiros evidenciam este potencial do interior de São Paulo, afirma o diretor superintendente do DAESP, Antonio Claret de Oliveira.”

A redução do Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços foi de 25% para 12% e foi aprovada pela Assembleia Legislativa em junho.

Ribeirão Preto é um exemplo de aeroporto que teve seus voos ampliados, tendo recebido novos voos da Azul, Passaredo e da MAP.

Desestatização

Os estudos para a desestatização do aeroporto de Ribeirão Preto estão em andamento pelo DAESP, com assessoria da IOS Partners – consultoria internacional contratada que vai definir o modelo mais eficiente de gestão e funcionamento. Todo o processo de desestatização dos aeroportos estaduais deve ser concluído em 2020.

“O aumento no volume de passageiros e as obras nos aeroportos do Daesp só valorizam o processo de desestatização do Governo de Estado”, conclui Claret.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Botafogo encara S. José o frio e gramado sintético no sul

O treinador Argel Fuchs relacionou 20 jogadores para o duelo contra o São José-RS, marcado para este domingo (1º)

Governo estuda aumento do Bolsa Família, diz Guedes

A intenção é que o valor do benefício chegue a R$ 300.

Tribunal de Justiça abre concurso para para 845 vagas de Escrevente

Certame disponibiliza oportunidades entre diversas localidades do estado; veja como participar

Dois lotes de parques municipais serão administrados por iniciativas privadas

Gestão e encerramento do contrato (até cinco anos de contrato com a possibilidade de prorrogação por mais cinco anos).

Ribeirão Preto estende abertura do comércio a partir desta sexta-feira, dia 30

Medida se antecipa ao Plano São Paulo. Veja como ficam os horários.
- PUBLICIDADE -