InícioSaúdeUma reviravolta, na Itália, a Covid também pode ser tratada com hidroxicloroquina

Uma reviravolta, na Itália, a Covid também pode ser tratada com hidroxicloroquina

Enquanto isso em Ribeirão Preto pessoas continuam a morrer sem a possibilidade de um tratamento preventivo, e a imprensa prostituta não publicara esta noticia

- continua após a publicidade -

Uma reviravolta na gama de tratamentos disponíveis contra a infecção por Covid-19 acontece na Itália. O Conselho de Estado disse sim a hidroxicloroquina para o tratamento do coronavírus, mediante receita e não reembolsável.

A terceira secção do Conselho de Estado acolheu, como medida de precaução, o recurso de um grupo de médicos generalistas e suspendeu a nota da Aifa de 22 de julho de 2020 que proibia a prescrição off label, ou seja, para uma utilização não prevista da droga para a luta contra a Covid 19.

Mas o que dizem os juízes administrativos?

A portaria afirma que “a contínua incerteza sobre a eficácia terapêutica da hidroxicloroquina, admitida pela própria Aifa para justificar a nova avaliação em ensaios clínicos randomizados, não é razão legal suficiente para justificar a suspensão não razoável de seu uso no território nacional atendendo médicos ”. “A escolha pelo uso ou não do medicamento, em situação de dúvida e contraste na comunidade científica – está escrito na portaria – com base em dados clínicos não unívocos, sobre sua eficácia apenas na fase inicial da doença, deve, portanto, deixada à autonomia de decisão e responsabilidade de cada médico “, “na ciência e na consciência” e com o consentimento informado óbvio de cada paciente.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Para o acompanhamento constante e cuidadoso do médico que o prescreveu. A ordem especifica que a decisão da Aifa de excluir a prescrição off-label de hidroxicloroquina do regime de reembolso não está sujeita a suspensão (ou a montante do litígio). A droga, “defendida” por Bolsonaro e Donald Trump entre as lideranças políticas, é usada no tratamento da malária e de algumas doenças autoimunes, como a artrite reumatoide e o lúpus eritematoso discóide e disseminado. Seu uso off-label foi permitido nos estágios iniciais da pandemia.

A princípio, o então presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, elogiou os supostos efeitos contra a Covid-19, divulgando declarações entusiasmadas à imprensa. No entanto, com o passar dos meses, o entusiasmo pela hidroxicloroquina começou a diminuir com a constante e massiva campanha da imprensa e políticos com interesses escusos.

Fonte: Jornal IL TEMPO
arquivo

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

STF julga liberação de crininosas para prender manifestantes de 8 de janeiro

Vão soltar criminosas para sobrar lugar para prender senhoras que se manifestavam dentro da constituição e acreditaram em um capitão e alguns generais

As críticas do New York Times a Moraes

O jornal norte-americano New York Times voltou a falar sobre o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF). Uma reportagem publicada neste domingo, 22,...

5 depredações da esquerda contra o patrimônio público

“Nunca vocês leram alguma notícia sobre um movimento ou partido de esquerda invadir o Congresso Nacional, a Suprema Corte ou o Palácio do Planalto”,...

Valor bloqueado de manifestantes sobe para R$ 18,5 milhões

A Justiça Federal autorizou hoje (21) novos bloqueios de bens de suspeitos de financiar os atos que resultaram na depredação dos prédios dos Três Poderes...

José Dirceu propõe reestruturar papel dos militares no Brasil

Militares precisam voltar para os quartéis e sair de órgãos do governo, sugere. José Dirceu de Oliveira e Silva, ex-ministro da Casa Civil de Lula,...
- PUBLICIDADE -