InícioSaúde"Não sabemos se o Brasil terá a segunda onda da Covid-19"

“Não sabemos se o Brasil terá a segunda onda da Covid-19”

Na opinião do cardiologista Márcio Sommer Bittencourt, do Hospital Israelita Albert Einstein e pesquisador da Clínica Epidemiológica do Hospital Universitário da Universidade de São Paulo, País já vive alto e constante platô de casos

- continua após a publicidade -

Depois de uma queda significativa no número de casos e óbitos por Covid-19, a Europa vive uma segunda onda de Covid-19 que, novamente se espalha de forma rápida.

Países como França e Alemanha já retomaram medidas de controle, como o Lockdown, para conter algo que já era previsto e esperado pela comunidade médica.

arquivo

“Apesar das diferenças entre si, os vírus respiratórios têm um padrão recorrente de comportamento e as pandemias, também. Se avaliarmos as principais oito pandemias deste tipo desde 1700, vamos notar que pelo menos sete tiveram mais do que uma onda em alguma parte do mundo”, afirma o cardiologista e médico do Hospital Israelita Albert Einstein e pesquisador da Clínica Epidemiológica do Hospital Universitário da Universidade de São Paulo.

Leia a íntegra em:http://www.agenciaeinstein.com.br/texto/nao-sabemos-se-o-brasil-tera-a-segunda-onda-da-covid-19/

arquivo
- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Menor NÃO: Ministro destaca eventos adversos em adolescentes vacinados

Segundo Queiroga, foram identificados 1,5 mil eventos adversos em adolescentes imunizados. “A OMS não recomenda a vacinação de adolescentes

Teatro Municipal lança edital de ocupação do 1° semestre de 2022

Inscrições começaram dia 15 de setembro e vão até 15 de outubro

Avenida Thomaz Alberto Whately tem nova interdição para obras

Bloqueio ocorre para obras do trecho 1 do corredor de ônibus Norte-Sul pelo programa Ribeirão Mobilidade

IMPORTANTE COMPARTILHE: Anvisa e Min. da Saúde NÃO Recomendam a vacinação para Menores de 18 Anos

Não se vê veículos de imprensa ou governantes falando sobre o assunto, muito pelo contrario continuam incentivando a vacina que não tem teste para menores de 18 anos

Vacinados já são 81,7% dos internados em SP

Do total de hospitalizados, 51,6% (325 doentes) já foram totalmente imunizados, com as duas doses, (34,6%) com Coronavac.
- PUBLICIDADE -