InícioRegiãoSertãozinhoSertãozinho: Junho Violeta o combate à discriminação e violência contra idosos

Sertãozinho: Junho Violeta o combate à discriminação e violência contra idosos

É um mês de conscientização sobre a importância dos idosos, que costumam ser excluídos de atividades na sociedade devido ao envelhecimento.

- continua após a publicidade -

O Junho Violeta é dedicado à conscientização e enfrentamento da violência contra a pessoa idosa. É um mês de conscientização sobre a importância dos idosos, que costumam ser excluídos de atividades na sociedade devido ao envelhecimento. Os idosos são parte da sociedade e devem ser integrados e respeitados como quaisquer outros cidadãos.

arquivo

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), a violência contra a pessoa idosa se define como qualquer ato que cause danos ou incômodo ao idoso. As principais são:

• Violência física: é o uso da força física para compelir os idosos a fazerem o que não desejam, feri-los, provocar dor, incapacidade ou morte.

• Violência psicológica: corresponde a agressões verbais ou gestuais com o objetivo de aterrorizar, humilhar, restringir a liberdade ou isolar do convívio social.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

• Violência sexual: refere-se ao ato ou jogo sexual de caráter homo ou hetero-relacional, utilizando pessoas idosas. Esses abusos visam a obter excitação, relação sexual ou práticas eróticas por meio de aliciamento, violência física ou ameaças.

• Abandono: é uma forma de violência que se manifesta pela ausência ou deserção dos responsáveis governamentais, institucionais ou familiares de prestarem socorro a uma pessoa idosa que necessite de proteção e assistência.

• Negligência: refere-se a recusa ou omissão de cuidados devidos e necessários aos idosos por parte dos responsáveis familiares ou institucionais. A negligência é uma das formas de violência mais presentes no país. Ela se manifesta, frequentemente, junto a outros abusos que geram lesões e traumas físicos, emocionais e sociais, em especial contra aquelas pessoas que se encontram em situação de múltipla dependência ou incapacidade.

• Violência financeira ou econômica: consiste na exploração imprópria ou ilegal ou ao uso não consentido pela pessoa idosa de seus recursos financeiros e patrimoniais.

• Autonegligência: diz respeito à conduta da pessoa idosa que ameaça sua própria saúde ou segurança, pela recusa de prover cuidados necessários a si mesma.

• Violência medicamentosa: é quando familiares, cuidadores ou profissionais, administram os medicamentos prescritos de forma indevida, aumentando, diminuindo ou excluindo os medicamentos.

• Violência emocional e social: refere-se à agressão verbal crônica, incluindo palavras depreciativas que possam desrespeitar a identidade, dignidade e autoestima. Caracteriza-se pela falta de respeito, negação do acesso a amizades, desatenção a necessidades sociais e de saúde.

O CREAS de Sertãozinho é um órgão que oferece atendimento a famílias e indivíduos em situação de risco pessoal e social. O trabalho ocorre quando já houve a violação dos direitos. O idoso ou a família pode acessar o serviço, seja de forma espontânea ou através de encaminhamento realizado pela rede pública. Será feito todo o acolhimento do idoso e da família, visitas domiciliares, e articulações com a rede de serviço.

Se perceber qualquer tipo de violência ou maus-tratos contra pessoas idosas, denuncie! As denúncias podem ser feitas pelos seguintes canais:

 – DISQUE 100 (Direitos Humanos);

–  Conselho do Idoso

Telefone: 3945-3610

E-mail: conselhoidoso.sert@gmail.com;

– CREAS

Telefones: 3945-6493 e 3491-3740.

arquivo

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

O nosso adeus a Miguel Liporassi

Ribeirão Preto perde Miguel Liporassi: Não era polêmico nem agressivo, era respeitado pela qualidade, voz e equilíbrio nos comentários. E pela postura com os colegas, leal, ficava longe das intrigas de bastidores.

PREVISÕES DO TAROT EM JULHO DE 2022

As previsões para Julho de 2022, trazem transformação nas finanças, amor, relação familiar

Vice de Lula tem novamente bens bloqueados pelo Ministerio Publico

Justiça Eleitoral determina bloqueio de R$ 11,3 milhões em bens de Geraldo Alckmin no caso Odebrech

Multas no corredor de onibus da Vargas começa nesta Segunda-feira (4)

Conforme o Código de Trânsito Brasileiro, transitar pela faixa exclusiva de ônibus é considerada infração gravíssima, com multa de R$ 293,47 e perda de sete pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

Congresso mundial online reunirá milhões de pessoas para falar sobre “paz”

Como sentir paz e tranquilidade apesar dos desafios provocados pelo aumento do custo de vida, da violência, dos desastres naturais, do ódio e das guerras?
- PUBLICIDADE -