InícioRegiãoPitangueirasPitangueiras atinge meta de vacinação

Pitangueiras atinge meta de vacinação

- continua após a publicidade -

A campanha de vacinação contra a pólio e o sarampo, que teria acabado na última sexta-feira (31), foi prorrogada até o dia 14 de setembro. Segundo o Ministério da Saúde, o prazo foi estendido nos Estados que ainda não atingiram a meta de vacinar pelo menos 95% das crianças de 1 a 5 anos. Dados preliminares indicam que a média nacional de vacinação contra pólio e sarampo está em 88%. Apenas sete estados atingiram a meta do Ministério da Saúde de vacinar, pelo menos, 95% do público-alvo. São Paulo, por exemplo, vacinou 86,08% na pólio e 85,23% no sarampo. Após a Campanha Nacional de Vacinação, que terminou na última semana, 10,2 milhões de crianças menores de cinco anos foram imunizadas contra sarampo e poliomielite. Com isso, o governo federal informou que o índice de cobertura do público-alvo chegou a 91,3%.

Enquanto cidades vizinhas como Ribeirão Preto que chegou a pouco mais de 79%, Pontal a 77,32% e Jaboticabal perto de 93%. Pitangueiras atingiu neste dia 6 de setembro o índice de 95,34% de imunização. E o objetivo e superar este número, uma vez que seguindo a campanha estadual, as vacinas continuarão a ser aplicadas até o dia 15 de setembro.

Segundo balanço do ministério, até 4 de agosto 1,5 casos de sarampo já foram confirmados no país, com surtos registrados nos estados do Amazonas e Roraima. Ao todo, oito pacientes morreram por causa da doença.

 

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Objetivos da campanha

A campanha tem por objetivos:

Vacinar quem nunca se protegeu;

Completar todo o esquema de vacinação de quem não tomou todas as doses;

Dar uma dose de reforço para quem já se vacinou completamente (ou seja, tomou todas as doses necessárias à proteção).

Esse tipo de campanha que inclui o reforço da dose, segundo o Ministério da Saúde, acontece de quatro em quatro anos e já estava prevista no orçamento da pasta. Esse ano, no entanto, a campanha é ainda mais importante dada à volta da circulação do sarampo no território brasileiro e a ameaça da poliomielite.

 

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

Anvisa alerta sobre risco de miocardite e pericardite pós-vacinação

A Anvisa informa que os Estados Unidos (EUA) relataram a ocorrência de casos de miocardite (inflamação do músculo cardíaco) e de pericardite (inflamação do tecido que envolve o coração) após a vacinação

Campeonato Esportivo movimenta mais de mil alunos das escolas municipais

Cirem será realizado até a 2a quinzena de dezembro

Assistência Social realizará “V Caminhada Mulher Maravilha” neste domingo

Evento promovido pelo NAEM acontece em referência aos 16 dias de ativismo pelo fim da violência contra as mulheres

Projeto Guri está com inscrições abertas

Crianças e adolescentes de seis a 18 anos podem aprender a tocar um instrumento musical, sem a necessidade de conhecimento prévio

Fogos de artifício: veterinário explica como proteger os animais durante as comemorações

Especialista explica as possíveis reações dos pets e o que pode ser feito para amenizar o pânico e transtornos causados pelas explosões
- PUBLICIDADE -