Início Política Eleições Quem são os candidatos a prefeitura de Ribeirão Preto nas eleições 2020?

Quem são os candidatos a prefeitura de Ribeirão Preto nas eleições 2020?

Confira o perfil de cada candidato a prefeitura de Ribeirão Preto nas eleições municipais de 2020.

- continua após a publicidade -

Neste domingo (27) com o início das campanhas eleitorais, começa oficialmente a corrida para as eleições municipais de 2020. Você conhece quem são os 11 candidatos(as) que estão inscritos para concorrer a vaga na prefeitura de Ribeirão Preto?

De acordo com dados do TSE, foram solicitados 11 registros para concorrer ao cargo de prefeito(a) e vice em Ribeirão Preto. Os partidos tinham até às 20hs do último sábado (26) para solicitar o registro oficial das candidaturas. Duas destas candidaturas ainda dependem de uma decisão do TRE (Tribunal Regional Eleitoral), que explicaremos mais abaixo.

Enquete: Na sua opinião o próximo prefeito deve estar alinhado com qual governo? Federal (Jair Bolsonaro), Estadual (João Dória) ou Oposição (Lula / PT)? Vote!.

Confira quem são os 11 candidatos(as) a prefeitura de Ribeirão Preto:

Os nomes estão em ordem alfabética e os detalhes de cada candidatura ao clicar nos links em cada candidato ou mais abaixo na matéria.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Para as eleições deste ano os partidos podem fazer coligações somente para a disputa pela prefeitura, ou seja, um grupo de partidos coligados significa maior tempo de propaganda eleitoral gratuita na TV e no Rádio.

Antônio Alberto Machado (PT)

Aos 62 anos de idade, é professor do curso de Direito da Unesp de Franca, foi promotor de justiça e fez parte de uma comissão para a reforma do judiciário no governo da ex-presidente Dilma. Machado (nome que usará na campanha), concorre pela primeira vez em uma eleição.

  • Partido: Partido dos Trabalhadores (PT)
  • Vice: Elsa Rossi – Professora, 75 anos.
  • Partido do(a) Vice: PT (Partido dos Trabalhadores)
  • Coligação: Sem coligação partidária.

Antônio Duarte Nogueira (PSDB)

Com uma longa carreira na política, Duarte Nogueira, 56 anos de idade, tenta se reeleger para o cargo de Prefeito de Ribeirão Preto. Engenheiro por formação sua profissão é a política, deputado federal eleito em 2010 e 2014, fez parte de secretarias dos governos estaduais do PSDB até vencer as últimas eleições municipais em 2016.

De acordo com os dados do portal do Tribunal Superior Eleitoral, nas últimas eleições Nogueira declarou um gasto de R$1.418.353,43 (Um milhão, quatrocentos e dezoito mil, trezentos e cinquenta e três reais e quarenta e três centavos) durante a campanha.

  • Partido: Partido da Social Democracia Brasileira – PSDB
  • Vice: Daniel Gobbi – Advogado, 37 anos.
  • Partido do(a) Vice: Partido Progressista – PP
  • Coligação: “Reconstruindo Ribeirão”
  • Partidos da coligação: PP / Republicanos / PSDB / DEM / PTB / PSC e PL

Cristiane Framartino Bezerra (MDB)

Aos 52 anos, Cris Bezerra (nome registrado para as eleições), assumiu o lugar de Gandinni que desistiu de concorrer as eleições municipais este ano. Professora, Cristiane Framartino Bezerra é escritora, já atuou na Secretaria Municipal de Cultura e foi chefe de assessoria parlamentar na Câmara Municipal e disputou ao cargo de vereadora em 2016 ficando como suplente.

- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Cris Bezerra declarou ter gasto R$1.958,53 (um mil novecentos e cinquenta e oito reais e cinquenta e três reais) na disputa ao cargo de vereadora.

  • Partido: Movimento Democrático Brasileiro (MDB)
  • Vice: Del Vecchio – Policial Militar, 35 anos.
  • Partido do(a) Vice: Partido Social Liberal – PSL
  • Coligação: “União para Transformar Ribeirão”
  • Partidos da coligação: MDB / PV / PSL / Avante / Pros / PDT

Emilson Antônio Martinez Roveri (REDE)

Experiente em disputas eleitorais, o Engenheiro Emilson Roveri, 59 anos, entra na disputa ao cargo pela terceira vez, Roveri foi derrotado nas disputas de 2012 e como vice em 2000, concorreu ao cargos de Deputado Federal em 2014 e vereador em 2016, em ambos os casos Roveri ficou como suplente.

Durante as últimas eleições, Emilson Roveri declarou ter gasto R$13.650,67 (treze mil, seiscentos e cinquenta reais e sessenta e sete centavos).

  • Partido: Rede Sustentabilidade (REDE)
  • Vice: Luiz Mariano – Advogado, 52 anos.
  • Partido do(a) Vice: Rede Sustentabilidade – REDE
  • Coligação: Sem coligação partidária.

Fernando Chiarelli (Patriota)

Fernando Chiarelli, 63 anos, é um velho conhecido dos eleitores de Ribeirão Preto. Foi vereador na cidade entre 1993 e 1995 e Deputado Federal entre 2009 e 2011. Concorreu à prefeitura nas eleições em 2004 e 2012 e ao cargo de Deputado Federal em 2006, 2010 (ficando como suplente) e 2018.

Nas eleições de 2018, Chiarelli recebeu 22.261 votos e declarou ter gasto todo o valor recebido do fundo partidário nas eleições ao cargo de Deputado Federal, R$ 58 mil (Cinquenta e Oito Mil reais).

  • Partido: Patriota
  • Vice: Sargento Vanzo – Militar Reformado, 55 anos.
  • Partido do(a) Vice: Patriota
  • Coligação: Sem coligação partidária.

Gersio Baptista (PMN)

Gérsio Baptista, 64 anos, é natural de Araraquara. Foi ferroviário e mudou-se para Ribeirão há cinco anos e mantém em Ribeirão Preto um escritório de consultoria com foco em negócios. Em 2018, tentou disputar ao cargo de Deputado Federal pelo PMN mas sua candidatura foi impugnada.

  • Partido: Partido da Mobilização Nacional (PMN)
  • Vice: Marco Silveira – Engenheiro, 66 anos.
  • Partido do(a) Vice: Partido da Mobilização Nacional (PMN)
  • Coligação: Sem coligação partidária

Luis Henrique Usai (PRTB)

Luis Henrique Usai, 56 anos, é coronel da reserva da Polícia Militar e disputa ao cargo pela primeira vez. Em 2016 foi candidato a vereador pelo PV mas não foi eleito.

Coronel Usai declarou ter gasto R$1.285,00 (Um mil, duzentos e oitenta e cinco reais) durante a última campanha eleitoral.

  • Partido: Partido Renovador Trabalhista Brasileiro – PRTB
  • Vice: Professora Sueli Albanezi – Professora, 65 anos
  • Partido do(a) Vice: Partido Renovador Trabalhista Brasileiro – PRTB
  • Coligação: Sem coligação Partidária.

Mauro da Silva Inácio (PSOL)

Esta será a terceira vez que o Professor Mauro Inácio tenta concorrer à Prefeitura de Ribeirão Preto. Ele foi derrotado nas eleições de 2008 e 2012. Mauro também tentou concorrer ao cargo de Deputado Estadual em 2010, mas não teve votos suficientes. Nas eleições anteriores Mauro concorreu pelo PSTU.

  • Partido: Partido Socialismo e Liberdade – PSOL
  • Vice: Mayra Ribeiro de Oliveira – Assistente Social, 28 anos
  • Partido do(a) Vice: Partido Socialismo e Liberdade – PSOL
  • Coligação: Sem coligação Partidária

Rodrigo Salomão Junqueira (PSL)*

Engenheiro, 43 anos, Rodrigo Junqueira entra para a sua segunda corrida eleitoral, em 2018 Rodrigo ficou como suplente para Deputado Federal.

A candidatura de Junqueira já começa fazendo barulho nos bastidores, para lançar uma chapa própria pelo PSL de Ribeirão Preto, Junqueira precisou entrar na justiça contra parte do diretório municipal e estadual que lançaram uma coligação com o MDB. Insatisfeito, Rodrigo Junqueira ganhou na justiça o direito de realizar uma nova convenção.

* A justiça ainda determinará qual das duas convenções será válida, a primeira, online, que decidiu lançar um vice em coligação com o MDB ou se a chapa própria lançada por Rodrigo Junqueira com 33 candidatos a vereadores.

Na disputa para Deputado Federal (2018), Rodrigo Junqueira recebeu 14.067 votos e declarou ter gasto R$18.713,25 (Dezoito mil setecentos e treze reais e vinte e cinco reais).

  • Partido: Partido Social Liberal – PSL
  • Vice: Cabo Ramos Bolsonaro – Policial Militar, 43 anos.
  • Partido do(a) Vice: Partido Social Liberal – PSL
  • Coligação: Sem coligação Partidária.

Suely Vilela (PSB)

Suely Viela tem 66 anos e é professora titular da Universidade de São Paulo (USP). Foi a primeira reitora da história da universidade, ficando no cargo de 2005 a 2009. Em 2018 Sueli ficou como suplente no cargo de Deputada Estadual.

Nas últimas eleições (2018) Sueli declarou ter gasto R$99.265,49 (Noventa e nove mil, duzentos e sessenta e cinco reais e quarenta e nove centavos).

  • Partido: Partido Socialista Brasileiro (PSB)
  • Vice: Matheus Eduardo – Empresário, 38 anos.
  • Partido do(a) Vice: Podemos
  • Coligação: “Legado para servir Ribeirão”
  • Partidos da coligação: PSD / PODE / SOLIDARIEDADE / PSB / CIDADANIA

Vanderley Caixe (PC do B)

Advogado, Vanderley Caixe tem 42 anos, foi coordenador da Comissão dos Direitos Humanos da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) em Ribeirão preto e integrou a comissão estadual sobre o tema e a Comissão de Defesa do Consumidor. Esta é a primeira vez que Vanderley vai concorrer a um cargo político.

  • Partido: Partido Comunista do Brasil (PC do B)
  • Vice: Glauber da Silva – Agente Administrativo, 40 anos.
  • Partido do(a) Vice: Partido Comunista do Brasil (PC do B)
  • Coligação: Sem coligação partidária

** Esta matéria foi atualizada no dia 27 de Setembro às 23h30 para incluir o nome do candidato do PC do B. O registro de Vanderley Caixe não constava no site do TSE no fechamento da matéria no sábado, dia 26.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

Justiça bloqueia R$ 29 milhões em bens de Doria em ação por improbidade

PSDB e sua fake: Doria gastou com propaganda pessoal o equivalente a 21% do total empregado nas obras de asfalto.

Padaria Pet abre unidade em Ribeirão Preto

Loja é a 9ª franquia da rede, que terá tratamento de aromaterapia, espaço para aniversário pet, petiscaria gourmet para cães e gatos como, pipoca, bolo de caneca, cerveja e café

TEL abre 300 vagas de emprego em São Paulo

Home Office: Processo seletivo oferece oportunidades em telemarketing para vendas; empresa já emprega 15 mil profissionais no Brasil

68% dos lojistas apontam aumento nas vendas, após seis meses de quarentena

Setor de eletrônicos foi o mais beneficiado, segundo FCDLESP; apenas 15% das micro e pequenas empresas conseguiram o PRONAMPE

AGU confirma impedimento de cultivo doméstico de Cannabis sativa

Morador acionou a Justiça para obter autorização para cultivar planta em casa, o que é vedado pela legislação