InícioPolíticaConselho de Ética aprova parecer pela cassação de Cunha Comente

Conselho de Ética aprova parecer pela cassação de Cunha Comente

- continua após a publicidade -

O Conselho de Ética da Câmara nesta terça-feira (14), por 11 votos a nove a cassação do deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), num processo que tramita desde outubro na Câmara e é o mais longo da história da comissão de ética. A cassação do deputado foi pedida no último dia 1º pelo relator Marcos Rogério (DEM-RO).

Os votos decisivos vieram por parte da Tia Eron (PRB-BA), que ainda não havia tornado público seu posicionamento, e Wladimir Costa (SD-PA), que mudou o voto.

os deputados acataram o parecer do deputado Marcos Rogério (DEM-RO) que afirma que Cunha quebrou o decoro ao mentir sobre ter contas no exterior durante depoimento na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Petrobras.

Segundo o relator, Cunha é o dono de pelo menos quatro contas nna Suíça: Köpek; Triumph SP, Orion SP e Netherton. Ao pedir a cassação de Cunha, Rogério disse que as contas são verdadeiros “laranjas de luxo”. “Estamos diante do maior escândalo que este colegiado já julgou, não se trata apenas de omissão, de mentira, mas de uma trama para mascarar a evasão de divisas, a fraude fiscal”, disse Rogério. “Estamos diante de uma fraude, de uma simulação de empresas de papel, de laranjas de luxo criadas para esconder a existência de contas no exterior”, acrescentou.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Cunha nega a propriedade das contas, mas admitiu ter o usufruto de ativos geridos por trustes estrangeiros.

O processo de Cunha no Conselho de Ética é considerado o mais longo no colegiado e foi marcado por inúmeras manobras que protelaram a decisão dessa terça-feira. A representação contra Cunha foi entregue pelo PSOL e Rede à Mesa Diretora da Câmara, no dia 13 de outubro de 2015. A Mesa, comandada por Cunha, levou o prazo máximo de 14 dias para realizar a tarefa de numerar a representação e enviá-la ao Conselho de Ética, o que retardou o início dos trabalhos do colegiado. O processo só foi instaurado quase um mês depois da representação, em 3 de novembro de 2015.

Agora o processo contra Cunha precisa ser analisado em plenário. Para que Cunha tenha o mandato cassado, é preciso pelo menos 257 votos, a maioria absoluta dos 513 deputados.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Transerp lança aplicativo para reforçar fiscalização do transporte coletivo

Ferramenta on-line estará disponível para download gratuito nas principais lojas de aplicativos

Agendamento 3ª Dose: Veja quais grupos estão liberados

Serão disponibilizadas 5 mil vagas para vacinação que acontecerá na quinta-feira, dia 9 de dezembro

“Faremos novamente uma grande festa”, garante Gusttavo Lima para região de Ribeirão Preto

Cantor sertanejo traz a turnê "Embaixador In" no dia 10 de dezembro

Em turnê dos 40 anos de carreira Roupa Nova retorna a Ribeirão Preto

A turnê de 40 anos do Roupa Nova chega a Ribeirão Preto no dia 16 de dezembro. Celebrando quatro décadas de história, o grupo...

Coletivo Proporciona realiza evento artístico na Toca do Urso

Encontro acontece na próxima sexta-feira, dia 10 de dezembro, a partir das 17h, com a exposição “Mulheres Colorado”, transmissão de documentário e show do cantor Tibless
- PUBLICIDADE -