InícioPolicialPablo Russel Rocha condenado após 18 anos já esta solto novamente

Pablo Russel Rocha condenado após 18 anos já esta solto novamente

- continua após a publicidade -

O empresário Pablo Russel Rocha, condenado a 24 anos de prisão pela morte de Selma Heloisa Artigas da Silva em Ribeirão, deixou a Penitenciária de Tremembé (SP) no fim da tarde desta quarta-feira (6), após obter um habeas corpus no Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP).

Rocha havia sido levado à penitenciária na segunda-feira (4) e deveria cumprir a pena em regime fechado.

Quatro dos sete jurados consideraram Rocha culpado. Ele foi condenado por homicídio triplamente qualificado – por motivo fútil, sem chance de defesa e meio cruel.

pablo_1Nicole tinha 21 anos na época do crime.
A Promotoria defende que ela foi amarrada ao cinto de segurança da caminhonete de Rocha, após uma discussão entre os dois, na madrugada de 11 de setembro 1998.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

O empresário, na época com 24 anos, teria dirigido por dois quilômetros com a vítima sendo arrastada, entre as avenidas Celso Charuri e Caramuru. Um laudo do Instituto Médico Legal apontou ainda que Nicole estava grávida.

A defesa nega a acusação, afirmando que não há provas de que Rocha tenha amarrado a vítima ao veículo. O advogado Sergei Cobra Arbex afirmou que também pede ao TJ-SP a revogação do júri, alegando que a decisão não foi condizente com as provas apresentadas

Relembre o caso aqui>>>>>>>>>

Juri condena Pablo veja aqui>>>>>>>>>>

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Nova data do Kiss em Ribeirão Preto – Dia 1º de maio de 2022

Os ingressos já adquiridos seguem válidos para a nova data, portanto, não há necessidade de troca ou substituição.

Inscrições para o Sisu começam nesta terça-feira

Prazo para o segundo processo seletivo de 2021 termina no dia 6

Oportunidade de 220 vagas de emprego para diversas áreas

De janeiro a junho deste ano, Ribeirão Preto registrou saldo de 6.955 novos registros em carteira de trabalho, ficando na 6º posição no Estado de São Paulo

GCM recebe 20 armas para uso em patrulhamento

Spark permite imobilizar o infrator sem a necessidade de uso de força
- PUBLICIDADE -