InícioPolicialAlckmin entrega 39 viaturas para a PM da região de Ribeirão Preto

Alckmin entrega 39 viaturas para a PM da região de Ribeirão Preto

- continua após a publicidade -

O governador Geraldo Alckmin e o secretário da Segurança Pública em exercício, Sérgio Turra Sobrane, entregaram 39 novas viaturas para a Polícia Militar que atua na região de Ribeirão Preto, nesta quarta-feira, 30. A entrega dos veículos para o Comando de Policiamento do Interior 3 (CPI-3) aconteceu durante a manhã em Ribeirão. Depois, Alckmin seguiu para as cidades de Boa Esperança do Sul e Santa Lúcia.

“Compramos 1.081 viaturas, no total, para a Polícia Militar, das quais essas 39 são as primeiras a serem entregues. Ao todo, serão 93 novas viaturas para a região”, afirmou o governador, lembrando também que a segurança paulista terá reforço, em breve, de 1.895 novos policiais civis e militares que estão concluindo os cursos de formação.

O Governo do Estado de São Paulo investiu R$ 3,8 milhões na aquisição desses veículos – 25 Palios Weekend para o patrulhamento e 14 Trailblazers, sendo que uma será utilizada pelo canil regional e as demais pela Força Tática.

Com a aquisição das novas viaturas, serão beneficiadas 29 cidades da região, como Araraquara, Barretos, Franca, São Carlos e Sertãozinho, que, além de Ribeirão Preto, sediam os sete batalhões da região.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Com os novos veículos, desde 2011, o governo estadual já entregou 767 viaturas para a PM da região de Ribeirão Preto, como resultado de um investimento de R$ 36,9 milhões.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

O fundo do posso sem fundo: Fiocruz indica atenção com dengue

Períodos chuvosos atrelados ao calor são favoráveis à proliferação do Aedes aegypti, que é também transmissor do vírus da zika e chikungunya.

Mãe do presidente Jair Bolsonaro morre aos 94 anos

De Uma família humilde do interior de São Paulo, dona Olinda, partiu mas pode ver os feitos do filho. Nossos sentimentos ao @jairmessias.bolsonaro

Coronavac é liberada e SP confirma dose para crianças em até 3 semanas

Eles garantem que o medicamento é seguro, e casos de mortes não são relacionados com a picada salvadora. Se ele garante nós acreditamos na ciência.

Criança de 10 anos infartou depois da picada mas o motivo não foi a vacina

Prefeitura diz que criança teve parada cardíaca após vacina, mas estado rapidamente concluiu que criança tinha doença rara no coração que os pais não sabiam. E nós acreditamos no trancarua

Nogueira esqueceu? Site e redes sociais da prefeitura não fizeram qualquer menção a data

Prefeitura não programou qualquer evento, não fez menção a data, simplesmente não lembraram a data.
- PUBLICIDADE -