InícioLazer e Cultura"Trinca de Ases" reúne Gal, Gil e Nando Reis no Centro de...

“Trinca de Ases” reúne Gal, Gil e Nando Reis no Centro de Eventos

- continua após a publicidade -

O Centro de Eventos do RibeirãoShopping recebe um super show no dia 20 de dezembro. Intitulado “Trinca de Ases”, o espetáculo reúne três grandes nomes da música brasileira: Gal Costa, Gilberto Gil e Nando Reis, a moça, o rapaz maduro calejado pela idade e o menino impetuoso e viril, como Gil define os artistas na letra da música que dá nome ao show.

A união destes grandes artistas aconteceu pela primeira vez em Brasília, em homenagem ao centenário de Ulysses Guimarães. Naquela noite de caráter especial, realizada quase sem ensaio, mostrou-se a potência da união: o diálogo dos violões de Gil e Nando, a voz de Gal revendo as canções do amigo baiano e revelando outras cores da estranheza pop do paulistano e sua “música ruiva”, que ela nunca tinha cantado.

No show esta potência aparece lapidada – e ampliada. Além de estarem os três o tempo inteiro no palco, em todas as formações vocais possíveis (trios, duetos e solos), eles têm o reforço de dois músicos: o baixista pernambucano Magno Brito, integrante da banda Sinara; e o percussionista baiano Kainan do Jêjê, que trabalha com Ivete Sangalo e também com a Sinara.

Desde o primeiro encontro Gal soa ora clássica (em “Esotérico”, na primeira vez em que a apresenta em dueto com Gil), ora nova (em “Segundo sol”), ora ambas (em “Dois rios”, parceria de Nando e Samuel Rosa. E não só dois, mais muitos violões, híbridos, surgem quando os instrumentos de Gil e Nando se cruzam, em canções como “Por onde andei” e “A novidade”. 

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

“Lembro quando “Expresso 2222” chegou lá em casa, o impacto que causou. E como aquilo, quando eu comecei a tocar, já estava em mim”, explica Nando Reis, que completa “depois de minha mãe, a voz que mais traçou os contornos de minha música foi a de Gal”, diz o compositor. 

Gal reconhece a descendência (“Nando é nosso filho”, brinca). Com Gil, o “pai”, ela tem uma longa lista de parcerias: o show “Nós, por exemplo” (1964); o álbum-manifesto “Tropicália ou Panis et circensis” (1968); a turnê dos Doces Bárbaros (1976); o show em Londres (gravado em 1971, mas lançado em disco só em 2014). Nando é o “menino impetuoso”, o elemento novo na equação que chega como catalisador, gatilho de outros caminhos – num espetáculo com direção musical do trio e assessoria artística de Marcus Preto, que dirigiu Gal em “Estratosférica”. 

Pontos de venda:
Bilheteria do Centro de Eventos e site www.ingressorapido.com.br
Informações: 16. 3620-2266


SERVIÇO

Trinca de Ases
Data: 20 de dezembro
Horário: 21h
Local: Centro de Eventos do RibeirãoShopping
Av. Cel. Fernando Ferreira Leite, 1540 – Jardim Califórnia, Ribeirão Preto/SP

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

🔴⚽ Botafogo inicia venda de ingressos nas bilheterias para a estreia na Série B do Brasileiro!

O jogo está agendado para sexta-feira (19), às 19h, no Estádio Santa Cruz/Arena Nicnet, pela primeira rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

🔒🎪 Autorização digital para entrada de menores de idade no Ribeirão Rodeo Music!

Acesso de menores será 100% online e antecipado através do site RRM. Todos os detalhes do responsável maior autorizado e do menor serão registrados digitalmente. Documentos originais serão obrigatórios durante o evento.

🎶🌟 Pantera Sessions inicia temporada 2024 com uma roda de samba!🎶🌟

Neste sábado, dia 20 de abril, às 16h, o Pantera Sessions dará início à temporada de shows de 2024 com a apresentação do grupo Soberanas do Samba, no Espaço MuseLab, em Ribeirão Preto

🔥🇧🇷 Brasil avisa STF: documentos sigilosos de Moraes entregues ao Congresso dos EUA! 🔥

A defesa do X Brasil enviou documento ao ministro do STF, Alexandre de Moraes, informando que entregou ao Congresso dos Estados Unidos cópias de decisões sigilosas do magistrado.

🌿🎨 Celebração dos Povos Indígenas no ShoppingSantaÚrsula 🎨🌿

Para comemorar o Dia dos Povos Indígenas, o ShoppingSantaÚrsula recebe o renomado artista xinguano Mayawari Melihaku, da aldeia Kaüpuna, do Parque Indígena do Xingu (MT).
- PUBLICIDADE -