InícioLazer e CulturaGastronomiaRibeirão Preto receberá segunda unidade do Bom Prato

Ribeirão Preto receberá segunda unidade do Bom Prato

Equipamento será instalado na região do Hospital das Clínicas e terá capacidade para servir 1.400 refeições e 300 cafés da manhã por dia

- continua após a publicidade -

Na tarde desta quarta-feira, dia 24 de fevereiro, o prefeito Duarte Nogueira assinou a ordem de serviço para início da obra da segunda unidade do Bom Prato no município de Ribeirão Preto, além de apresentar, por meio de videoconferência, o projeto do novo equipamento.

A unidade terá capacidade para servir 1.400 refeições e 300 cafés da manhã, diariamente, a pacientes, acompanhantes e moradores da região.

“O Bom Prato HC foi planejado por meio de valores como acolhimento e respeito à população mais vulnerável. Pensamos em uma unidade sustentável, autossuficiente em energia, reuso de água, além de instalação de ar-condicionado, proporcionando mais conforto aos usuários. Grandes projetos como esse são possíveis quando não temos medo de ousar e investimos nos pontos sensíveis do município. Vivemos um mandato que realiza ações para uma cidade mais humana, acolhedora, bonita e organizada”, destacou Nogueira.

Com investimento de R$ 3,6 milhões, o prédio que abrigará o Bom Prato HC conta com área total de 2.460 m², sendo 1.103 m² construídos e está localizado na avenida Governador Lucas Nogueira Garcez, a cerca de 700 metros do Hospital das Clínicas. A empresa vencedora da licitação é a Construsantos Comércio e Construção Civil, que terá o prazo de nove meses para realização da obra.

divulgação

A secretária municipal da Assistência Social, Renata Gregoldo, destacou que a assinatura da obra é marcada por data simbólica: mês em que é comemorada mundialmente a justiça social, garantindo ao município o selo de global, acolhedor e inclusivo.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Para o secretário municipal de Administração, André Morais, a iniciativa foi construída por meio de uma visão inovadora, pautada na sustentabilidade e essencialmente voltada a atender com qualidade a população mais vulnerável.

Ribeirão Preto Global e Acolhedora

Essa será a primeira unidade totalmente construída por projeto urbanístico com impactos positivos para a região, além de fomentar a comodidade aos usuários. A região também contará com uma praça que poderá ser utilizada por pacientes que aguardam pelos seus atendimentos.

Ribeirão Preto já conta com uma unidade do Bom Prato na região central, que completa 20 anos de atividade e mais de 265 milhões de refeições fornecidas a preços populares.

divulgação

A unidade pioneira no município também deverá ter sua estrutura remodelada e ampliada, visando à humanização e maior acolhimento da população que se encontra em situação de vulnerabilidade.

Também participaram da reunião, o secretário de Obras Públicas, Pedro Luiz Pegoraro, além do vereador Igor Oliveira, do presidente da Câmara Municipal, Alessandro Maraca, do superintendente do Hospital das Clínicas, Benedito Maciel e da representante da Secretaria Estadual do Desenvolvimento Social, Themis Kleiber, que destacou a importância da parceria e o empenho da administração municipal na execução do projeto, que beneficiará a população de Ribeirão Preto e região.

foto – arquivo pessoal

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Com dois a menos, Palmeiras se classifica na libertadores

10 SEMIS DE #LIBERTADORES NA HISTÓRIA! 10 CLASSIFICAÇÕES CONSECUTIVAS EM MATA-MATA NO TORNEIO! 10 PASSAGENS DE FASE EM #LIBERTADORES EM CASA!

Patriotas vão para Paulista: Ribeirão inicia preparativos para o desfile de 7 de Setembro

Em Ribeirão vários grupos se organizam para participar das manifestações em São Paulo, dia que esta sendo considerado o mais importante dos últimos 200 anos. Confira como participar.

WhatsApp lança novas ferramentas para garantir mais segurança e privacidade aos usuários

As funções do aplicativo de mensagens estão em fase de testes, mas devem chegar ao público em breve

Vereador esquerdista que defende mulheres deve cumprir medida protetiva com a ex-namorada

a vítima se sente perseguida e agredida moralmente e psicologicamente pelo autor

“Funcionário” recebe R$ 22 mil por mês da Câmara para estudar Direito na USP em período integral

Trabalhar por que? Se nem os vereadores fazem isso, o O acadêmico em questão é Saulo Wellington Marchiori Magron, lotado no cargo de agente de administração
- PUBLICIDADE -