InícioEsportesCiclismoEm prova internacional, Ciclismo de RP se destaca pela Seleção Brasileira

Em prova internacional, Ciclismo de RP se destaca pela Seleção Brasileira

- continua após a publicidade -

Tricampeã do Ranking Nacional de Estrada, a Equipe de Ciclismo de Ribeirão Preto (São Francisco Saúde/Klabin/SME) representou a Seleção Brasileira na tradicional Vuelta a San Juan 2018, na Argentina e conquistou importantes resultados.

Mais uma vez Rafael Andriato faturou um top-20, encerrando na 17ª colocação na 7ª etapa, que foi um circuito de 141,3 km em San Juan. Ao todo o ciclista conseguiu ficar entre os 20 primeiros em quatro das sete etapas. Um feito de destaque do ciclista brasileiro de renome internacional.

Entretanto quem obteve o maior destaque individual foi Atíllio Fetter. Foram sete provas de extrema regularidade, terminando com o 63º lugar na 7ª etapa. No geral, ficou com a 49ª posição, e mais do que isso, o ciclista de apenas 21 anos terminou em 6º no ranking sub-23.

Especificamente falando da última etapa, um momento marcou a disputa, quando o ciclista Rodrigo do Nascimento saiu em uma fuga com mais dois ciclistas, na segunda metade da prova, e se distanciou do pelotão de elite, se mantendo entre os primeiros até 10 quilômetros para o fim da prova, quando foi neutralizada. A etapa contou com o público de mais de 50 mil pessoas presentes em San Juan.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Se individualmente foi um bom resultado da Equipe de Ribeirão Preto, coletivamente o mesmo pode ser dito. A Seleção Brasileira encerrou a 7ª etapa na 15ªcolocação. No geral os brasileiros ficaram em 22º.

“Foram resultados expressivos dado o nível da competição. A elite do ciclismo mundial esteve presente aqui na Argentina e melhoramos com o passar das etapas. Conquistamos resultados expressivos e isso servirá de motivação para nossa temporada que promete ser das mais difíceis”, destacou o técnico Marcelo Donnabella.

Após o título nacional de 2017, a equipe ribeirãopretana ficou um período de recesso, e mesmo com apenas um mês de treinamento para a Volta de San Juan, os resultados obtidos nas ao longo das provas desta volta tradicional. Ao todo, 164 ciclistas disputaram a competição, uma das mais tradicionais do continente. Foram sete etapas entre os dias 21 e 28 de janeiro.

No ranking geral, Atíllio Fetter foi o melhor brasileiro na 49ª colocação. Rafael Andriato ficou na 72ª posição, Alan Maniezzo em 93°, Jeovane de Oliveira foi o 119º, Rodrigo do Nascimento o 126º e Maurício Knapp o 136º na classificação.

A Equipe de Ciclismo de Ribeirão Preto tem como patrocinadores a São Francisco Saúde, Klabin, SOUL Cycles e Usina Batatais, copatrocinadores a Passaredo e AOO Energia e o apoio da Secretaria Municipal de Esportes de Ribeirão Preto, Botafogo Futebol Clube, Clínica Collucci, Savegnago Supermercados, Cuida Bem, Santa Helena, ERT Uniformes, Goal Projetos, Passalacqua, Nutrigesso, Riberball, Balões Pic-Pic, TGM, LIBER Capital e Nacional Inn Hotéis e Centro de Convenções. Apoio institucional Lei de Incentivo ao Esporte.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Universidade federal terá cotas para detentos, ex-presidiários e refugiados

Ser bandido virou bom negocio no Brasil, com aplauso do PSOL a decisão penaliza o cidadão de bem

A importância dos Bandeirantes para o desenvolvimento do Brasil

A historia dos Bandeirantes estão diretamente ligada ao desenvolvimento do Brasil. Não fossem estes bravos desbravadores estaríamos vivendo até hoje apenas no litoral brasileiro. Defendem genocidas e ditadores e atacam verdadeiros herois.

Contações de histórias compõem a programação do final de semana do Museu Casa de Portinari

Conheça também a faceta poética de Candido Portinari no Pela Janela (25); on-line e gratuita

Terceira via discute impeachment de Bolsonaro como única forma de derrotar Lula

Com economia e empregos em recuperação, falta de escândalos no governo e popularidade nas ruas em alta, os concorrentes enxergam no impeachment a única forma de barrar Bolsonaro em 2022

Olimpíada de Tóquio: saiba quem são os brasileiros favoritos ao ouro

Judô? Vôlei? Natação? Atletismo? Futebol? De onde virão as medalhas de ouro para o Brasil?
- PUBLICIDADE -