Início Diversos Doria é investigado por compra de 9 milhões de reais em luvas...

Doria é investigado por compra de 9 milhões de reais em luvas sem licitação e com valor acima do mercado

A análise também constatou que os valores de contratação são superiores aos praticados no mercado, contrariando princípio da economicidade e da seleção da proposta mais vantajosA

- continua após a publicidade -

De acordo com o tribunal, a contratação da empresa para aquisição do material foi realizada sem licitação pelo órgão, que pediu informações antecipadas sobre preços de mercado para decidir sobre o produto. O total do valor pago foi de R$ 9.161.100,00.

No despacho assinado pelo conselheiro Antonio Roque Citadini nesta quinta-feira (18), consta que a fiscalização apontou que a Secretaria não apresentou critérios de pagamento, nem a estimativa de preços para a compra das luvas.

A análise também constatou que os valores de contratação são superiores aos praticados no mercado, contrariando princípio da economicidade e da seleção da proposta mais vantajosa para Administração exigidos pelo artigo 3º da Lei Federal nº 8.666/93.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

O Tribunal de Contas notificou o secretário José Henrique Germann Ferreira, responsável pelo departamento, sobre o caso e deu um prazo de 30 dias para que as providências necessárias sejam adotadas.

Créditos: R7

- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -
- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

Covid-19: governo anuncia resultado de ensaio clínico com nitazoxanida

O Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI) concluiu o estudo clínico com o uso do medicamento nitazoxanida em pacientes na fase precoce da covid-19

#Fiqueemcasa: 42% dos brasileiros estão com menos dinheiro no bolso

E a narrativa voltara logo após as eleições, enquanto políticos, funcionários públicos tem o salário garantido, mesmo sem trabalhar.

Não falta quase nada para 2020. Fãs fazem episódio com final para ‘Caverna do Dragão’

2020 não é um ano qualquer, até isso rolou. Fãs do desenho animado adaptaram um final para trama e agora o mundo passa a ter um sentido.

Novo: “Quem não tomar vacina não deve frequentar espaços públicos”

João Amoedo, fundador do partido NOVO, defende obrigatoriedade de vacina ou impedimento de frequentar hospitais, ruas. NOVO só no nome.

O disco rígido de Hunter Biden revelou ‘Obsessões por menores’ e drogas

Grave: No Brasil muitos políticos estão presos aos chineses que através destes governam estados e cidades. Esta semana o mundo estremecera com informações vindo dos EU