Início Blogs DSOP Educação Financeira Férias escolares: veja brincadeiras para se divertir gastando pouco

Férias escolares: veja brincadeiras para se divertir gastando pouco

- continua após a publicidade -

A próximidade do período de férias escolares gera a pergunta: o que fazer com as crianças? As possibilidades são inúmeras – viagens, cinema e passeios –, mas tudo vai depender do tempo disponível e, principalmente, das condições financeiras da família. Contudo, o período também pode ser interessante para passar para crianças e jovens conceitos importantes de educação financeira e sustentabilidade.

Estes temas podem ser ensinados de forma lúdica, por meio de conversas e brincadeiras simples. As férias são ideais para essa abordagem, além disso, possibilita uma maior proximidade entre a família. Veja alguns exemplos:

Construção de brinquedos com materiais reutilizados

Quanto do chamado lixo seco – como papéis, garrafas plásticas, embalagens de papelão – sua família joga fora, por semana, por mês, por ano? E o quanto gasta com compras de brinquedos novos para as crianças?

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Com materiais simples e de fácil acesso, elas podem aprender que é possível se divertir com o que temos em casa, basta um pouquinho de imaginação e criatividade.

Bilboquê de garrafa pet

Materiais:

– 1 garrafa PET
– 1 tampinha de garrafa PET
– Barbante
– Tesoura
– Materiais para enfeitar

Como fazer:
– Corte a garrafa PET na altura do gargalo, lembrando uma tacinha.
– Corte cerca de 30 cm de barbante
– Amarre uma ponta de barbante na tampinha de refrigerante e amarre a outra ponta na ponta de garrafa PET
– Enfeite o bilboquê e agora é só brincar!

 

Cai não cai

- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Materiais:
– 2 garrafas PET de 2 litros
– Canudinhos
– Tampinhas de garrafas PET
– Objeto com ponta que possa ser aquecido
– Tesoura

Como fazer:
– Corte o bocal de uma das garrafas PET e o fundo da outra garrafa, que servirá de tampa para o brinquedo.
– Usando o objeto com ponta que possa ser aquecido, faça vários furinhos em volta da garrafa PET cortada (faça em fileiras horizontais, para ficar mais fácil). Atenção: um adulto deve fazer este passo, pois há risco das crianças se queimarem.
– Para montar o jogo é só “espetar” os canudos nos furinhos e colocar diversas tampinhas de garrafa em cima. Depois tampe com a tampa de PET.
– Para brincar cada jogador tem que tirar um palito por rodada, sem deixar cair as tampinhas. Aquele que deixar cair menos tampinhas, ganha o jogo.

Culinária

A maioria das crianças gosta de colocar a mão na massa. Confira receitas especialmente selecionadas para serem feitas por elas (ainda que tenham partes em que seja necessário o auxílio de um adulto). E, com o foco na economia, já que têm no máximo 3 ingredientes:

– Panquequinha de banana:

– Pão de queijo:

– Bolinho de frango e couve-flor:

– Docinho de leite ninho:

Feira de troca de livros e gibis

O que fazer com os gibis e livros já lidos? Jogar no lixo? Jamais. O que não tem mais uso para nós, pode ter utilidade para outra pessoa.

A ideia dessa atividade é juntar todos esses materiais já consumidos e fazer uma feira de trocas com amigos, parentes, vizinhos e alunos de outras turmas. Assim, todos terão novas histórias para ler e o melhor: sem gastar dinheiro.

 

Confira mais sugestões no Guia de Férias 2017: Diversão com sustentabilidade financeira garantida

 

 

Fonte: DSOP Educação Financeira

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

Neste Natal, Shopping Iguatemi Ribeirão Preto promove encontros inéditos com Papai Noel

Bom velhinho estará em sua casa no Polo Norte, mas é presença confirmada em ações digitais do empreendimento

Sertãozinho: Câmara Municipal promove últimas sessões ordinárias deste ano

Todas as sessões ordinárias da Câmara de Sertãozinho podem ser acompanhadas, nos seguintes veículos de comunicação

Relação extraconjugal pode ser reconhecida como união estável?

O homem morreu em 2011 e agora suas duas companheiras devem dividir seus bens.

Museu Casa de Portinari lança audiolivro para deficientes visuais

Obra de autoria de Candido Portinari ganhou parceria da ADEVIRP para tradução sonora

Avenida Antônia Mugnatto Marincek recebe novas adequação

Via foi duplicada em mais de quatro quilômetros, recebeu ciclovia, cerca de 50 pontos de acessibilidade e nova sinalização