InícioBlogsDSOP Educação Financeira13º para aposentados – educador financeiro orienta o uso consciente

13º para aposentados – educador financeiro orienta o uso consciente

- continua após a publicidade -

Aposentados pelo INSS receberão a primeira parcela do seu 13º salário a partir desta quinta-feira, 25. Em meio à recessão econômica, é mais indicado quitar dívidas, poupar para o futuro ou aproveitar para consumir? Segundo Reinaldo Domingos, educador financeiro e presidente da Abefin (Associação Brasileira de Educadores Financeiros), antes de tomar qualquer atitude, o aposentado precisa analisar as suas próprias finanças.

“Para os aposentados, receber essa renda extra é algo muito bom. Oriento que utilizem o valor com educação financeira, tendo consciência de sua situação e pensando no seu futuro. Afinal, é importante ter uma reserva para emergências e poupanças para realizar seus sonhos. A aposentadoria é a fase ideal para ter tranquilidade e realizações”, orienta Reinaldo Domingos.

Aos endividados, a orientação é que não utilizem o valor para quitar o que devem. Afinal, os compromissos financeiros precisam ser pagos com a renda mensal habitual. Caso o aposentado esteja com dificuldades todos os meses, correndo o risco de atrasar os pagamentos e entrar na inadimplência, é importante elaborar um planejamento e rever hábitos e costumes para sair dessa situação definitivamente. Estando inadimplente, o ideal é reservar o 13º e fazer um planejamento para utilizá-lo no momento de renegociar as dívidas, se necessário.

Essa renda extra também é uma oportunidade para aposentados que não têm dívidas e não poupam dinheiro. Apesar dessa situação parecer equilibrada, ela é preocupante porque quem utiliza toda a sua renda com o consumo pode se endividar caso passe por um imprevisto que envolva as finanças. É importante estabelecer alguns objetivos, que incluam sonhos que deseja realizar e ter uma quantia reserva para situações emergenciais.

Já o aposentado que tem o hábito de poupar e investir pode aproveitar e definir um novo sonho que deseje realizar e utilizar a primeira parcela do 13º salário como o primeiro aporte. É importante que os investimentos estejam sempre atrelados a um objetivo, pois o que fomenta o hábito de poupar é saber que utilizará o dinheiro com aquilo que realmente importa.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Conheça 6 orientações para utilizar a primeira parcela do 13º com educação financeira:

1. Não aja por impulso. Tenha consciência de sua situação financeira antes de utilizar essa renda extra. Para isso, compreenda de que forma o seu dinheiro está sendo gasto: faça um diagnóstico financeiro, anotando durante 30 dias todas as suas despesas, incluindo as pequenas e supérfluas. Assim você também saberá em quais pontos pode melhorar seu comportamento.

2. Caso não tenha uma reserva financeira para emergências, o aposentado pode considerar essa oportunidade de ter. Em meio à crise econômica e alta nos preços, pode parecer difícil pensar em poupar dinheiro. Entretanto, é importante estar preparado para imprevistos, como problemas de saúde ou na residência, e evitar o descontrole das finanças.

3. Resgate seus sonhos e utilize essa renda extra para conquista-los. Pense naquilo que sempre desejou realizar, mas pela correria da vida ou pela falta de educação financeira, não realizou. Estabeleça no mínimo três, a serem realizados em curto, médio e longo prazo. Procure saber quanto custam e estabeleça o quanto você precisará poupar mensalmente para realiza-los.

4. Ao poupar o valor, escolha investimentos de acordo com o período em que pretende realizar seu sonho. Para sonhos de curto prazo, a poupança é bastante indicada. Para sonhos de médio prazo, CDB, LCI e LCA são interessantes. Para sonhos de longo prazo, considere a previdência privada, por exemplo. Os rendimentos variam de acordo com o tempo em que o dinheiro fica investido.

5. Caso já tenha se programado para usar parte da primeira parcela do 13º para comprar algo, pesquise em pelo menos três lugares para conseguir comprar pelo melhor preço. Aproveite que pagará a vista e negocie descontos com os vendedores. O valor economizado você deve destinar à poupança para adiantar a realização dos seus sonhos.

6. Você sabia que, além do 13º, você pode conseguir uma renda extra melhorando a sua forma de lidar com as finanças? No dia a dia, elimine gastos desnecessários e supérfluos e prefira pagar à vista para conseguir descontos. Dessa forma, além de curtir melhor a aposentadoria, você terá uma boa saúde financeira, baseada em hábitos de consumo sustentáveis.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Menor NÃO: Ministro destaca eventos adversos em adolescentes vacinados

Segundo Queiroga, foram identificados 1,5 mil eventos adversos em adolescentes imunizados. “A OMS não recomenda a vacinação de adolescentes

Teatro Municipal lança edital de ocupação do 1° semestre de 2022

Inscrições começaram dia 15 de setembro e vão até 15 de outubro

Avenida Thomaz Alberto Whately tem nova interdição para obras

Bloqueio ocorre para obras do trecho 1 do corredor de ônibus Norte-Sul pelo programa Ribeirão Mobilidade

IMPORTANTE COMPARTILHE: Anvisa e Min. da Saúde NÃO Recomendam a vacinação para Menores de 18 Anos

Não se vê veículos de imprensa ou governantes falando sobre o assunto, muito pelo contrario continuam incentivando a vacina que não tem teste para menores de 18 anos

Vacinados já são 81,7% dos internados em SP

Do total de hospitalizados, 51,6% (325 doentes) já foram totalmente imunizados, com as duas doses, (34,6%) com Coronavac.
- PUBLICIDADE -