InícioTecnologiaNa volta do ORKUT o que não pode faltar?

Na volta do ORKUT o que não pode faltar?

- continua após a publicidade -

“A volta do Orkut propõe conexões mais reais, e isso pode ter grandes impactos para a forma como nos relacionamos nas mídias sociais”, diz Aline Bak

Na última quarta-feira, para a surpresa de muitos usuários, a rede social Orkut, fundada em 2004, foi reativada. Quando as pessoas acessam o site, elas se deparam com uma carta escrita pelo engenheiro turco Orkut Buyukkokten, fundador da plataforma, que lançou um manifesto defendendo a volta da rede social e como ela pretende operar.

”Um dos principais pontos mencionados na carta, é que a ideologia da marca é voltada em estabelecer conexões mais concretas e reais”, diz a especialista em assuntos digitais Aline Bak. “Vamos nos recordar que, quando o Orkut começou como a primeira rede social, em 2004, além de conectar pessoas, o princípio era formar comunidades de pessoas em assuntos diversos e trazer à tona debates mais saudáveis”, ressalta Aline.

Aline Bak lembra que, em sua trajetória, o Orkut teve mais de 300 milhões de usuários e trazia muitas ferramentas de interação entre as pessoas, e que ainda hoje são mencionadas em outras mídias, como por exemplo a função de “Depoimentos” que possibilitava um ranking de mensagens para deixar aos amigos e em diferentes perfis, como também, “Ver quem visitou seu perfil”, função que foi muito pedida, aliás, pelos usuários do Instagram e do Facebook. 

“ As mídias sociais como um todo estão passando por mudanças, e um ponto muito intrigante é como a estratégia para divulgação da retomada do Orkut está sendo planejada”, continua Aline. “Não vamos nos esquecer de que o anúncio do Orkut aconteceu dois dias após o Twitter ter sido comprado por Elon Musk”.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

“Além disso”, continua Aline, “existe muitas informações nas entrelinhas dessa carta, sendo que o criador do Orkut menciona a importância da proteção de dados”, enfatiza.

“A expectativa sobre o Orkut é alta”, diz Aline. “Toda essa discussão abre espaço para um questionamento: mesmo com a nova abordagem, defendida por Orkut, será que é possível construir lugares mais educativos e construtivos no ambiente digital? Esse novo modelo, se ocorrer como o prometido, pode abrir espaço para alterações de funcionamento e operação de outras redes”, finaliza Aline. “Vamos aguardar”.

Sobre Aline Bak: Aline Bak é especialista em marketing de influência digital, consultora e estrategista de influência digital e de negócios digitais. Atua há oito anos no mercado de marketing digital e é formada pela FAAP (Fundação Armando Alvares Penteado-SP), em São Paulo, com especialização no Instituto Europeo di Design (IED) em Barcelona, na Espanha. Aline ajuda a empreendedores e grandes marcas a construírem marcas sólidas nas mídias digitais. Ela ministra palestras e treinamentos e desenvolveu método próprio e exclusivo. Atualmente, tem mais de 300 mentorados, que acompanha, junto com sua equipe. Para saber mais, acesse: https://www.instagram.com/alinebak_/

Nota oficial

Hello!

Sou o Orkut. 17 anos atrás eu criei uma pequena rede social enquanto eu trabalhava no Google como engenheiro de software. Em apenas alguns anos, essa rede social se tornou o orkut.com com mais de 300 milhões de usuários.

Acredito que o orkut.com encontrou sua comunidade porque reuniu tantas vozes diversas de todo o mundo em um só lugar. Trabalhamos muito para tornar o orkut.com uma comunidade onde o ódio e a desinformação não fossem tolerados. Nos dedicamos muito para tornar o orkut.com uma comunidade onde você pudesse conhecer pessoas reais que compartilhavam seus mesmos interesses, não apenas pessoas que curtiram e comentaram em suas fotos.

O mundo precisa de gentileza agora mais do que nunca. Há tanto ódio online nos dias de hoje, e nossas opções para encontrar e construir conexões reais são poucas e bem escassas. Sempre acreditei que uma amizade é mais do que um pedido de amizade, e dediquei minha vida para ajudar milhões de vocês a construir conexões autênticas com seus vizinhos, familiares, funcionários e os belos estranhos que entram em suas vidas.

Nossas ferramentas online devem nos servir, não nos dividir. Elas devem proteger nossos dados, não vendê-los. Elas devem nos dar esperança, não medo e ansiedade. A melhor rede social é aquela que enriquece sua vida, mas não a manipula. Eu quero que você seja capaz de ser o seu verdadeiro eu, online e offline. Eu quero que você seja capaz de fazer conexões duradouras. Eu quero ajudá-lo a fazer isso com todo o meu coração.

Eu sou uma pessoa otimista. Acredito no poder da conexão para mudar o mundo. Acredito que o mundo é um lugar melhor quando nos conhecemos um pouco mais. É por isso que criei a primeira rede social do mundo quando era estudante de pós-graduação em Stanford. É por isso que eu trouxe o orkut.com para tantos de vocês ao redor do mundo. E é por isso que estou construindo algo novo. Vejo você em breve!

Inscreva-se abaixo para receber atualizações e seja o primeiro a saber.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Confira a programação da feira do livro de Ribeirão Preto que começa na próxima sexta-feira (19)

A FIL é CONSIDERADA A 7ª MAIOR FEIRA LITERÁRIA DA AMÉRICA LATINA E A 2ª MAIOR DO BRASIL.

Feira do Livro: Começa montagem da estrutura da edição 2022 em Ribeirão Preto

Após dois anos de espera, a 21ª edição da Feira Internacional do Livro já está sendo montada na Praça XV de Novembro

Com dois a menos, Palmeiras se classifica na libertadores

10 SEMIS DE #LIBERTADORES NA HISTÓRIA! 10 CLASSIFICAÇÕES CONSECUTIVAS EM MATA-MATA NO TORNEIO! 10 PASSAGENS DE FASE EM #LIBERTADORES EM CASA!

Patriotas vão para Paulista: Ribeirão inicia preparativos para o desfile de 7 de Setembro

Em Ribeirão vários grupos se organizam para participar das manifestações em São Paulo, dia que esta sendo considerado o mais importante dos últimos 200 anos. Confira como participar.

WhatsApp lança novas ferramentas para garantir mais segurança e privacidade aos usuários

As funções do aplicativo de mensagens estão em fase de testes, mas devem chegar ao público em breve
- PUBLICIDADE -