InícioTecnologiaMinistro das Comunicações esclarece dúvidas sobre internet 5G

Ministro das Comunicações esclarece dúvidas sobre internet 5G

Tribunal de Contas da União (TCU), aprovou no fim da tarde de hoje as regras do leilão para a nova tecnologia.

- continua após a publicidade -

Fábio Faria participou do programa A Voz do Brasil

O ministro das Comunicações, Fábio Faria, esclareceu, ao vivo, no programa A Voz do Brasil, dúvidas de ouvintes sobre a nova tecnologia de internet 5G. O Tribunal de Contas da União (TCU), aprovou no fim da tarde de hoje as regras do leilão para a nova tecnologia. A previsão é de que o certame seja realizado em outubro deste ano.

A tecnologia 5G deve automatizar processos na indústria e na agricultura, facilitar a telemedicina e mudar a vida do cidadão comum por meio da Internet das Coisas (IoT), que vai interligar aparelhos em casa e fora dela. 

O leilão deve atrair cerca de R$ 40 bilhões em investimentos. Os vencedores do leilão também terão de se comprometer com a expansão da tecnologia 4G para todo o território nacional. Cerca de 2,5 mil comunidades indígenas e 48 mil quilômetros de rodovias federais também serão beneficiados.

Assista na íntegra:

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Com dois a menos, Palmeiras se classifica na libertadores

10 SEMIS DE #LIBERTADORES NA HISTÓRIA! 10 CLASSIFICAÇÕES CONSECUTIVAS EM MATA-MATA NO TORNEIO! 10 PASSAGENS DE FASE EM #LIBERTADORES EM CASA!

Patriotas vão para Paulista: Ribeirão inicia preparativos para o desfile de 7 de Setembro

Em Ribeirão vários grupos se organizam para participar das manifestações em São Paulo, dia que esta sendo considerado o mais importante dos últimos 200 anos. Confira como participar.

WhatsApp lança novas ferramentas para garantir mais segurança e privacidade aos usuários

As funções do aplicativo de mensagens estão em fase de testes, mas devem chegar ao público em breve

Vereador esquerdista que defende mulheres deve cumprir medida protetiva com a ex-namorada

a vítima se sente perseguida e agredida moralmente e psicologicamente pelo autor

“Funcionário” recebe R$ 22 mil por mês da Câmara para estudar Direito na USP em período integral

Trabalhar por que? Se nem os vereadores fazem isso, o O acadêmico em questão é Saulo Wellington Marchiori Magron, lotado no cargo de agente de administração
- PUBLICIDADE -