InícioSaúdeIsolamento social e atividade física

Isolamento social e atividade física

A vida vai, a vida vem, e com ela os afazeres diários da rotina: trabalho, família, lazer, estudos, atividade física.

- continua após a publicidade -

A vida vai, a vida vem, e com ela os afazeres diários da rotina: trabalho, família, lazer, estudos, atividade física. Tudo isso muito bem programado e organizado dentro dos horários normalmente apertados, mas que de forma planejada, vão acontecendo.

Eis que o mundo gira rapidamente e, em pouco tempo, por conta da pandemia de Covid-19, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda o isolamento social e tudo isso se altera: trabalho em home office, filhos em casa, faculdade suspensa, cinemas, parques e academias fechadas.

divulgação

Num primeiro momento, a impressão que se tem é de que ficando em casa as coisas poderão ser mais fáceis. Ledo engano, pois, se por um lado, o isolamento social proporciona mais condições para o alongamento da curva no período de transmissão, o que se faz necessário; por outro lado, a desorganização da rotina dos indivíduos e suas famílias ajudam na alteração do humor, podendo interferir na saúde mental das pessoas.

Sabemos que é necessária uma organização e planejamento desse tempo de isolamento para que se mantenha o máximo possível a qualidade de vida, a produção e a saúde física e mental dos indivíduos. Estabelecer rotinas das atividades pode ajudar.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Para além do trabalho e dos estudos, faz-se necessário ainda um cuidado com você. Incluir leituras, filmes, séries, tempo com a família e atividades físicas vão ajudar a minimizar as situações de estresse que podem ocorrer em função de todas as mudanças repentinas.

foto arquivo

Vamos nos atentar aqui a um desses fatores, a atividade física. Aqueles que já têm uma rotina semanal de atividades em sua programação vão sentir falta rapidamente e o corpo dará sinais da não realização dessas práticas.

Cabe então, nesse caso, a adaptação e um planejamento de atividades físicas que aproximem ao máximo possível da realizada em períodos normais. Vale, inclusive, contato com seu professor para o auxílio e orientações para essas atividades.

Aqueles que não incluem em períodos normais a atividade física em suas rotinas deverão nesse momento se atentar para a inclusão de atividades que auxiliem de forma positiva nesse período de permanência em casa.

Sugerimos atividades mais leves como alongamento, relaxamento, exercícios de fortalecimento muscular, abdominais, polichinelo, agachamentos, saltos e flexões, sendo esses alguns dos exercícios que podem ser realizados individualmente e com materiais que temos em casa, como cadeira, banco, almofada, toalhas etc.

arquivo

Cada indivíduo deve respeitar as condições e o limite de seu corpo e se atentar às condições de segurança dos materiais e do espaço.

A OMS recomenda 150 minutos de atividade física de intensidade moderada ou 75 minutos de intensidade elevada por semana para adultos. É possível manter-se ativo, mesmo estando confinado em casa, basta interesse e disposição.

Lembro ainda que várias academias, instituições de ensino, programas e canais das redes sociais estão com uma intensa programação virtual diariamente, com atividades corporais para todas as idades, desenvolvidas e orientadas por professores de educação física.

É momento de ação e movimento, mesmo que em casa. Vai passar e vamos sair juntos dessa e se possível, melhor do que entramos. Fique em casa!

divulgaçao

Autor: João Antonio Rufato é professor nos cursos de Licenciatura e Bacharelado em Educação Física do Centro Universitário Internacional Uninter.     

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Cerca de 40 mil pessoas não retornaram para receber a segunda dose da vacina contra Covid-19

Dados são Vigilância Epidemiológica, que conclama a população a procurar os postos de vacinação e manter o controle da doença

“Concertos Internacionais” apresenta homenagem a Astor Piazzolla

Concerto será transmitido no dia 23 de outubro, às 19h, como parte das comemorações de 91 anos do Theatro Pedro II

Nogueira quer que você receba agua do Rio Pardo nas torneiras

Hoje a agua do DAERP é do aquífero guarani, uma agua mineral será substituída por aguas do Rio Pardo. Você aprova esta mudança?

Atenção: Alerta para tentativa de golpe contra aposentados

Instituto de Previdência orienta beneficiários a não informar dados pessoais ou bancários

Ditador Moraes manda prender e extraditar Allan dos Santos

Se não estamos vivendo em uma ditadura do judiciário, o que se compara com atitudes destes loucos? Maduro, Chaves, Alexandre de Moraes...
- PUBLICIDADE -