Início Saúde Coronavírus: Lavar as mãos ou usar álcool gel?

Coronavírus: Lavar as mãos ou usar álcool gel?

Higiene pessoal ajuda a proteger não apenas de infecção por coronavírus, mas de doenças rotineiras, como gripes, resfriados e diarreia

- continua após a publicidade -

Uma das maneiras mais baratas e eficazes de evitar doenças infectocontagiosas — como a covid-19 (causada pelo coronavírus SARS-CoV2), gripe, resfriado e até diarreias — é pelo o hábito de lavar as mãos com água e sabão frequentemente.

Os Centros de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos (CDC) ressaltam que lavar as mãos ajuda a proteger contra uma em cada três doenças que causam diarreias e uma em cada cinco infecções respiratórias.

“Sabão e água são mais eficazes que os desinfetantes para as mãos [álcool gel] na remoção de certos tipos de germes, como Cryptosporidium [protozoários que causam diarreia aquosa], norovírus [vírus que causa gastroenterite aguda, chamada de ‘diarreia do viajante’] e Clostridium difficile [bactéria que causa diarreia]”, orienta o CDC.

Leia: Coronavirus: Confirmado primeiro caso em Ribeirão Preto

Foto arquivo

Fezes humanas e animais são fontes da maioria dos vírus e bactérias que causam doenças em pessoas.

Germes chegam às pessoas após o uso do banheiro ou troca de fraldas sem a devida higienização posterior das mãos. Manusear carnes ou saladas cruas com quantidades invisíveis de fezes nos dedos é uma fonte rotineira de contaminações.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Um estudo de pesquisadores dos Países Baixos mostrou que apenas 1 g de fezes humanas (equivalente ao peso de um clipe de papel) chega a ter 1 trilhão de germes.

Esses micro-organismos também podem ficar nas mãos após espirro ou tosse. As gotículas ficam em objetos ou no corpo das pessoas. Uma vez levadas à boca, olhos ou nariz, existe o risco de infecção.

Tudo o que você precisa saber sobre o coronavírus

Recentemente, o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, lembrou que durante a pandemia de H1N1, em 2009, as campanhas para que as pessoas lavassem mais as mãos e utilizassem álcool gel resultaram também na redução de casos de diarreia nas emergências de hospitais.

Foto EBC

O CDC ainda ressalta que a lavagem das mãos em comunidades:

• Reduz o número de pessoas que ficam doentes com diarreia de 23% a 40%.
• Reduz a doença diarreica em pessoas com sistema imunológico enfraquecido em 58%.
• Reduz as doenças respiratórias, como resfriados, na população em geral de 16% a 21%.
• Reduz as faltas escolares de crianças e adolescentes entre 29% e 57% por doença gastrointestinal.

A lavagem das mãos precisa durar ao menos 20 segundos e inclui ensaboamento, esfregamento, limpeza dos polegares e pulsos, enxágue e secagem em toalha limpa ou de papel.

Vírus, como o coronavírus, possuem uma proteção externa que é uma camada lipídica, de gordura. O uso de sabonete, que funciona como um desengordurante nestes casos ao eliminar essa camada.

foto internet

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Etanol e Diesel devem sofrer aumento de 3% em Ribeirão Preto.

O aumento de impostos imposto pelo Governador João Dória vai começar a prejudicar você muito rápido. Combustíveis começam a subir em Ribeirão Preto.

Sincovarp e CDL discoram do retrocesso de Ribeirão Preto para a fase Laranja do Plano SP

É preciso bom senso por parte do Governo de São Paulo quanto a redução no horário de atendimento.

João Dória não cumpre a palavra e aumenta o ICMS em São Paulo.

João Dória ri na cara da sociedade com mentiras e em nota a FIESP promete entrar na justiça contra o aumento de ICMS.

Netflix anuncia o lançamento de documentário sobre a carreira de Pelé.

Netflix divulga a data de estreia e o primeiro teaser do documentário "Pelé", com estréia programada para fevereiro.

Onde estão os radares neste sábado (16) em Ribeirão Preto

Confira as avenidas com radares móveis em Ribeirão Preto. Velocidades variam entre 60km e 70km.