InícioRegiãoSertãozinhoVocê conhece a Escola de Educação Ambiental de Sertãozinho?

Você conhece a Escola de Educação Ambiental de Sertãozinho?

- continua após a publicidade -

A Escola de Educação Ambiental “Clóvis Badelotti”, anexa ao Parque Ecológico e de Lazer “Gustavo Simioni”, em Sertãozinho, tem como objetivo realizar ações e práticas educativas voltadas à sensibilização da sociedade sobre as diversas questões ambientais, fomentando o desenvolvimento crítico, a responsabilidade socioambiental e o exercício da cidadania na defesa do meio ambiente.

Construída em madeira de reflorestamento, a escola é um exemplo de instalação em arquitetura sustentável, possuindo telhado ecológico, torneiras com redutores de pressão, telhado acoplado a um sistema de captação da água pluvial, postes de iluminação mantidos por meio de energia solar, calçada ecológica e móveis construídos com materiais reaproveitados. Fora isso, realiza um trabalho educativo diferenciado, através de aulas práticas e iniciativas que contribuem para a proteção e recuperação do meio ambiente.

Desde a sua inauguração, em dezembro de 2008, até os dias atuais, a Escola Municipal de Educação Ambiental promove atividades que são direcionadas, principalmente, a ações ligadas às questões ambientais, tendo como foco a conscientização da população em geral, principalmente de crianças, adolescentes e jovens das escolas públicas e particulares do município e também da região.

Sendo composta por vários ambientes, como minhocário, horta, pomar, orquidário, modelo didático sobre o consumo de água, representação natural de mata ciliar, estrutura de captação e armazenamento da água da chuva, postes de iluminação mantidos com energia solar (sistema de fotocélulas), estufas de germinação e de produção de plantas ornamentais, entre outros, torna-se uma excelente opção na complementação do aprendizado sobre a sustentabilidade, participando do processo educativo dos jovens de toda a região.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Como destaque da Escola está o Projeto “Sala Verde”, uma parceria do município com o Ministério do Meio Ambiente, apoiada também pelo setor privado. Esse projeto conta com acervo multimídia e bibliográfico, além de espaço para exposições de maquetes e de trabalhos que fomentam a sustentabilidade ambiental.

As visitas à Escola Ambiental acontecem de segunda a sexta-feira, das 8h às 11h e das 13h30 às 16h30. Geralmente, as aulas e dinâmicas têm duração de 2h30.

Escolas e entidades interessadas podem realizar o agendamento de visitas em grupos pelo telefone (16) 3491-7117, de segunda a sexta-feira, das 8h às 11h e das 13h às 17h, ou pelo e-mail: escolaambiental@sertaozinho.sp.gov.br.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

PREVISÕES DO TAROT EM JULHO DE 2022

As previsões para Julho de 2022, trazem transformação nas finanças, amor, relação familiar

Vice de Lula tem novamente bens bloqueados pelo Ministerio Publico

Justiça Eleitoral determina bloqueio de R$ 11,3 milhões em bens de Geraldo Alckmin no caso Odebrech

Multas no corredor de onibus da Vargas começa nesta Segunda-feira (4)

Conforme o Código de Trânsito Brasileiro, transitar pela faixa exclusiva de ônibus é considerada infração gravíssima, com multa de R$ 293,47 e perda de sete pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

Congresso mundial online reunirá milhões de pessoas para falar sobre “paz”

Como sentir paz e tranquilidade apesar dos desafios provocados pelo aumento do custo de vida, da violência, dos desastres naturais, do ódio e das guerras?

Cai quem quer: Rio de Janeiro confirma quinto caso de varíola dos macacos

A Secretaria Estadual de Saúde do Rio de Janeiro confirmou hoje (29) o quinto caso de varíola dos macacos (monkeypox) no estado. Segundo nota divulgada pela...
- PUBLICIDADE -