Início Região Sertãozinho 18 de maio: data reforça a luta contra o abuso e a...

18 de maio: data reforça a luta contra o abuso e a exploração sexual de crianças e adolescentes

A data marca a luta pelos Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes no território brasileiro e já alcançou muitos municípios.

- continua após a publicidade -

Há 20 anos, o dia 18 de maio é considerado o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. A data marca a luta pelos Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes no território brasileiro e já alcançou muitos municípios.

Esse dia foi escolhido porque em 18 de maio de 1973, na cidade de Vitória (ES), um crime bárbaro chocou todo o país e ficou conhecido como o “Caso Araceli”. Esse era o nome de uma menina de apenas oito anos de idade, que teve todos os seus direitos humanos violados. Ela foi raptada, estuprada e morta por jovens de classe média alta da cidade.

A Campanha de Combate à Violência Sexual de Crianças e Adolescentes possui o tema “Faça Bonito”, e é uma forma de mobilizar e sensibilizar a sociedade a participar da luta em defesa dos direitos das crianças e adolescentes, garantindo e resguardando seu desenvolvimento, livre do abuso e exploração sexual.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

A violência sexual pode ocorrer de duas formas, sendo por abuso ou exploração sexual.

O abuso sexual é a utilização da sexualidade de uma criança ou adolescente para a prática de qualquer ato de natureza sexual. O abuso geralmente é praticado por uma pessoa com quem a criança ou adolescente possui uma relação de confiança, e que participa do seu convívio. Essa violência pode se manifestar dentro do ambiente doméstico ou fora dele.

Já a exploração sexual, é a utilização de crianças e adolescentes com incentivo sexual para obter lucros, objetos de valor ou outros elementos de troca. A exploração sexual ocorre de quatro formas: no contexto da prostituição, na pornografia, nas redes de tráfico e no turismo com motivação sexual.

Em Sertãozinho, há um equipamento social que ajuda a preservar esses diretos: o Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS). Com equipe técnica composta por assistente sociais, psicólogos, pedagogo e terapeuta ocupacional, o CREAS oferece atendimento qualificado a famílias e pessoas que estão em situação de risco social ou tiveram seus direitos violados, prevenindo, assim, o agravamento das situações atendidas.

Os atendimentos são realizados de forma segura e sigilosa, com o intuito de minimizar os danos causados pela violência sexual, principalmente para o desenvolvimento adequado da criança e do adolescente após a vitimização, como também para proteção e garantia dos direitos da população infanto-juvenil.

- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Caso tenha qualquer suspeita ou conhecimento de alguma criança ou adolescente que esteja sofrendo violência sexual, denuncie!

As denúncias podem ser feitas através das seguintes instituições:

– Conselho Tutelar: 3945-2711 ou 99132-7741 (plantão);

– Disque 100;

– Polícia Militar: 190;

– Guarda Civil Municipal: 199;

– Aplicativo “Direitos Humanos Brasil” (o app é a nova plataforma digital do disque 100 e 180 para receber denúncias, solicitações e pedidos de informações sobre temas relacionados aos direitos humanos e família).

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

Iguatemi anuncia 1ª edição do projeto Iguatemi Kids por O Pequeno Colecionador

A iniciativa tem o objetivo de conectar as famílias por meio da cultura e do fazer artístico.

Ribeirão Rodeo Music anuncia data da edição 2021 e programação com grandes nomes do universo sertanejo

O evento, que acontecerá entre os dias 17 e 24 de abril, terá Marília Mendonça, Zé Neto & Cristiano, Gusttavo Lima entre outras atrações de destaque

Pelé representou “o talento absoluto do futebol brasileiro”

Aniversário do Pelé: rei do futebol completa 80 anos neste dia 23 de outubro

Apoiado pelo Papa Francisco, Cartórios de São Paulo registraram quase 24 mil uniões civis homoafetivas

Os números divulgados pelo IBGE mostram que os casamentos homoafetivos vem aumentando ano a ano desde sua regulamentação, com crescimento ainda mais considerável nos últimos anos

Vanderley Caixe (PC do B) tem candidatura cancelada

Essa foi a terceira impugnação imposta pela Justiça Eleitoral.