InícioRegiãoPitangueirasPromotoria investiga procurador do município de Pitangueiras por fraudes

Promotoria investiga procurador do município de Pitangueiras por fraudes

- continua após a publicidade -

Investigações estão em andamento pra averiguar fraudes em licitações na Prefeitura de Pitangueiras.

O promotor informou que existia uma empresa fantasma que participava das licitações no Município de Pitangueiras.

Ele era procurador do município, e era encarregado da fiscalização na execução dos contratos, mas na realidade a empresa pertencia a familiares do mesmo, sendo executado os contratos pela própria Prefeitura Municipal.

O período das fraudes aconteceu entre os anos de 2011 á 2013.
Hoje pela manhã aconteceu o comprimento de mandato busca e apreensão de materiais que estavam na casa do Advogado. A promotoria publica emitiu um comunicado a imprensa:

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Nota à Imprensa

“Nesta manhã de sexta-feira, 02jun, a Promotoria de Justiça de Pitangueiras cumpre dois mandados de busca e apreensão expedidos pela Justiça local, com apoio do GAECO-RP e da Polícia Militar, na casa e no escritório de advogado acusado de atuar em fraudes em licitação na cidade.

As investigações transcorriam na Promotoria de Pitangueiras, desde 2014. Em 2015, o GAECO-RP remeteu provas obtidas na Operação Q.I.

No final de 2016 a Promotoria de Pitangueiras apresentou denúncia contra várias pessoas por participação em fraudes em licitações e peculato, que teriam resultado em prejuízo superior a R$ 186.000,00 contra os cofres públicos da cidade.

Entre os denunciados está um advogado, alvo das medidas de busca desta manhã, à época procurador jurídico da Prefeitura e cujos familiares eram sócios da empresa contratada pelo município.

Indica-se que a empresa não teria sequer sede de fato e que os familiares do procurador seriam seus testas-de-ferro.

Também foi denunciada em Pitangueiras uma ex-vereadora e empresária de Pradópolis, apontada e denunciada pelo GAECO em 2015 como líder de grupo que fraudava licitações e concursos públicos em dezenas de cidades do Estado.

Os denunciados à Justiça de Pitangueiras respondem por crimes de associação criminosa, fraude em licitação e peculato.”

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Colégio Metodista suspende atividades em Ribeirão Preto

Instituição contava com 122 anos de atuação na cidade encerra atividades por conta da situação financeira da instituição de ensino. A economia vemos depois.

O fundo do posso sem fundo: Fiocruz indica atenção com dengue

Períodos chuvosos atrelados ao calor são favoráveis à proliferação do Aedes aegypti, que é também transmissor do vírus da zika e chikungunya.

Mãe do presidente Jair Bolsonaro morre aos 94 anos

De Uma família humilde do interior de São Paulo, dona Olinda, partiu mas pode ver os feitos do filho. Nossos sentimentos ao @jairmessias.bolsonaro

Coronavac é liberada e SP confirma dose para crianças em até 3 semanas

Eles garantem que o medicamento é seguro, e casos de mortes não são relacionados com a picada salvadora. Se ele garante nós acreditamos na ciência.

Criança de 10 anos infartou depois da picada mas o motivo não foi a vacina

Prefeitura diz que criança teve parada cardíaca após vacina, mas estado rapidamente concluiu que criança tinha doença rara no coração que os pais não sabiam. E nós acreditamos no trancarua
- PUBLICIDADE -