Início Região Mocóca Acidente com caminhão mata motociclista em Mococa

Acidente com caminhão mata motociclista em Mococa

- continua após a publicidade -

Um motociclista morreu nesta terça-feira,(28) em Mococa, após colidir com um caminhão de cana-de-açúcar na SP-340, km 268, na segunda-feira, 27.

“Um motociclista de 31 anos morreu na manhã desta terça-feira (28), em Mococa (SP), após um acidente com um caminhão de cana-de-açúcar na da Rodovia Prefeito José André de Lima (SP-340), na noite de segunda (27).

De acordo com a Polícia Civil, por motivos ainda desconhecidos, a vítima bateu com a moto na traseira do caminhão, no km 268. Ele foi socorrido em estado grave pelo Corpo de Bombeiros e encaminhado para a Santa Casa da cidade.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Devido aos ferimentos, ele não resistiu e morreu na manhã desta terça. A identidade da vítima não foi divulgada”.

- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -
- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

Oficina educativa encerra programação mensal do Museu Casa de Portinari

Lúdicas, instrutivas e divertidas, as oficinas são ótimas ferramentas para ensinar conceitos básicos educacionais e sociais às crianças.

O que todos os candidatos e candidatas precisam saber para as eleições de 2020

O principal objetivo dos políticos é convencer o seu eleitor através de um discurso claro, conciso e eficiente.

Shopping Iguatemi Ribeirão Preto celebra sete anos com novidades para os próximos meses

Seguindo a proposta de ir além de um centro de compras, o Shopping Iguatemi Ribeirão Preto completa neste dia 30 de setembro sete anos de operação.

Confiança da indústria atinge maior nível desde janeiro de 2013

Esse resultado sugere que o pior da crise já foi superado e que o setor teria fôlego para continuar a apresentar resultados positivos no próximo trimestre

Mais de 1.000 municípios brasileiros nunca registraram mortes por covid-19

Cerca de 6 milhões de brasileiros moram em cidades onde o vírus chinês não matou ninguém