InícioRegiãoEntrevias constrói novas bases para apoio e parada de usuários nas rodovias...

Entrevias constrói novas bases para apoio e parada de usuários nas rodovias da região

Os postos SAU abrigam as viaturas e contam com banheiro, bebedouro e totem de autoatendimento para motoristas

- continua após a publicidade -

Usuários que trafegam pelas rodovias do trecho concedido à Entrevias terão à disposição como ponto de suporte três novas bases do Serviço de Atendimento aos Usuários (SAU).

Dois deles serão na SP-330 –Rodovia Anhanguera, sendo um na divisa de Ribeirão Preto e Jardinópolis, que será construído no quilômetro 324 (sul), e o outro em Orlândia, próximo ao quilômetro 373, que passará por uma ampla reforma. 

A terceira base que será construída ficará na SP-322 – Armando de Salles Oliveira, no quilômetro 356 (leste) em Pitangueiras. A previsão é que as obras comecem nesta sexta-feira (26).

Ao todo, a empresa disponibiliza 17 SAUs ao longo do trecho de 570 quilômetros de rodovias administradas nas regiões de Marília e Ribeirão Preto (SP-330, SP-322, SP-328; SP-351; SP-333; SP-294 e SP-266).

arquivo
- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

As bases funcionam 24 horas por dia e dispõem de banheiros adaptados às necessidades de usuários com mobilidade reduzida, bebedouro, fraldário e totem digital para contato com o 0800 da empresa. Esse serviço e investimento constam no contrato de concessão assinado com o Governo do Estado de São Paulo.

A escolha dos locais que recebem as bases SAU é feita estrategicamente. São distribuídos de maneira a garantir que os parâmetros de atendimento especificados no contrato de concessão para socorro mecânico de emergência e socorro médico de emergência sejam atendidos.

 “Os postos funcionam como suporte para quem está na estrada. São lugares mais seguros, nos quais disponibilizamos estrutura de auxílio e tecnologia para o contato com a empresa. Assim, o usuário pode sentir-se mais confortável na hora de fazer uma parada”, diz o gerente de operações da Entrevias, Jorge Baracho.

 As bases SAUs são importantes também para o deslocamento rápido dos guinchos, caminhão-pipa e ambulâncias no momento de atendimento das diferentes ocorrências que são identificadas pelo Centro de Controle Operacional, que monitora a rodovia 24 horas por dia.

arquivo

Sobre a Entrevias Concessionária de Rodovias – É responsável pela operação, manutenção e modernização do lote 28 de Rodovias do Centro-Oeste Paulista, com um total de 570 quilômetros de vias no eixo entre Florínea, na divisa com o Paraná, e Igarapava, na divisa com Minas Gerais.

O contrato de concessão assinado com o governo do Estado de São Paulo e Artesp, agência fiscalizadora, – prevê investimentos de R$ 3,9 bilhões na restauração de rodovias, ampliação da malha viária e implantação de tecnologias e inovações que contribuem para prestação de serviços de alta qualidade aos usuários.

Visite o site da empresa: www.entrevias.com.br. Em caso de emergência nas rodovias ligue para 0800-3000-333.

Foto Divulgação

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Nós já avisamos que aconteceria: 72 casos de hepatite sem motivos no Brasil

Análises reúnem pacientes de dois meses a 16 anos; principais sintomas apresentados são pele e olhos amarelados, febre, vômito e dor abdominal. É só o começo dos efeitos da picada

Maior investidor da bolsa brasileira alerta: “Magazine Luiza vai quebrar”

Quem lacra lucra? : Lulista Magazine Luiza esta sentindo falta das tetas do governo e pode Quebrar. Triste

O nosso adeus a Miguel Liporassi

Ribeirão Preto perde Miguel Liporassi: Não era polêmico nem agressivo, era respeitado pela qualidade, voz e equilíbrio nos comentários. E pela postura com os colegas, leal, ficava longe das intrigas de bastidores.

PREVISÕES DO TAROT EM JULHO DE 2022

As previsões para Julho de 2022, trazem transformação nas finanças, amor, relação familiar

Vice de Lula tem novamente bens bloqueados pelo Ministerio Publico

Justiça Eleitoral determina bloqueio de R$ 11,3 milhões em bens de Geraldo Alckmin no caso Odebrech
- PUBLICIDADE -