Início Região Barretos Violeira Rose Abrão está com inscrições abertas

Violeira Rose Abrão está com inscrições abertas

- continua após a publicidade -

Um dos mais antigos e importantes festivais de música raiz do país, a Violeira Rose Abrão está com suas inscrições abertas até o dia 17 de julho. Podem participar do evento compositores amadores e profissionais, com músicas com letra e melodia inéditas no estilo raiz. Em sua 34ª edição, o festival integra a programação da Festa do Peão de Barretos. A soma geral dos prêmios de participação e dos finalistas ultrapassa o valor de R$ 65 mil.

Para participar do concurso, os interessados deverão enviar CD ou Pen Drive com a música gravada e uma cópia da letra no mesmo CD ou Pen Drive, com nome e endereço dos intérpretes e compositores. Cada compositor poderá inscrever, no máximo, uma música inédita, que deverá ser apresentada acompanhada de um documento do compositor autorizando os intérpretes a participarem da Violeira Rose Abrão. As letras enviadas por email deverão ser encaminhadas para fusao@fusaoconsultoria.com.br ou contato@agcip.org.br, contendo todos os dados.

A eliminatória do festival acontecerá no dia 30 de julho, em Monte Alto/SP. A final do concurso será realizada no dia 23 de agosto, dentro da programação da Festa do Peão de Barretos, no Palco Culturando da AGCIP. O regulamento completo e ficha de inscrição do festival estão disponíveis nos sites www.independentes.com.br e www.agcip.org.br.

Grandes nomes

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

A Violeira Rose Abrão completa neste ano, 34 anos de edição. Responsável por manter a essência e tradição da cultura sertaneja, além de revelar novos talentos da música raiz.

Nomes importantes da música brasileira passaram pelo festival, como Rionegro & Solimões, Zé Henrique & Gabriel, Durval & Davi, Zé do Cedro & João do Pinho, Gedeão da Viola, Itamaracá, entre outros.

As músicas retratam o estilo de vida e costumes dos peões estradeiros, além das festas da cultura sertaneja e paisagem interiorana.

Patrono

Realizada inicialmente nos bairros de Barretos, a “Violeira” reunia violeiros de todos os cantos. Em 1993, a “Violeira” passou a levar o nome de “Rose Abrão”, em homenagem ao comerciante Gaze Abrão, proprietário do Sobrado da Alegria – local onde reunia diversos violeiros e grandes nomes da música caipira -, e palco do festival caipira por alguns anos.

O músico e violeiro, Tião Carreiro foi quem apelidou o amigo Gaze Abrão, de “Tio Rose”. Aos 57 anos, o comerciante morreu em Barretos. Para homenagear a história de ‘Tio Rose’ com a música e tradição caipira, o festival carrega seu nome.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

França proíbe linguagem de gênero neutro em escolas

Segundo o Ministério da Educação, a medida atrapalha o aprendizado dos alunos e prejudica as pessoas com deficiência mental

Bruno Covas tem piora, e estado de saúde é considerado muito gravíssimo

Ele está no Hospital Sírio-Libanês, onde está internado desde o dia 15 de abril para tratamento de um câncer.

Covid-19: governo compra mais 100 milhões de doses da vacina da Pfizer

Lote se soma aos 100 milhões de doses adquiridos anteriormente

Justiça de Ribeirão determina que Facebook retire do ar fake news sobre pandemia

Como acreditar na justiça brasileira? Chamam de negacionistas mas são os primeiros a negar informações que não interessam ou que não atendem uma única vertente.

Daerp inicia implantação da nova conta de água na região central

O planejamento é que a nova conta chegue a 30 mil usuários até o final do mês de maio
- PUBLICIDADE -