InícioPolíticaMais de dois milhões já assinaram pedido de impeachment de Alexandre de...

Mais de dois milhões já assinaram pedido de impeachment de Alexandre de Moraes

O documento será enviado ao presidente do Senado Federal. Meta inicial era 500 mil assinaturas, mas agora espera-se 3 milhões

- continua após a publicidade -

Um abaixo-assinado contra um dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) vem ganhando adesão de uma parcela expressiva da população brasileira.

O documento pede o impeachment do ministro Alexandre Moraes.

Em poucas horas, o abaixo-assinado online já colheu mais de dois milhões de assinaturas por todo o território nacional.

arquivo

A meta inicial era de 500 mil assinaturas, mas com a grande participação da população espera-se 3 milões de assinaturas até a entrega no senado.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Nos últimos meses, as ações de Alexandre Moraes vêm causando uma repercussão negativa depois que o ministro mandou prender influenciadores de direita que, na visão dele, tinham envolvimento na disseminação de “Fake News”.

Os organizadores do abaixo assinado acusam Alexandre Moraes de violar as garantias constitucionais de liberdade de expressão e imprensa e também a liberdade parlamentar.

Depois de recolher as assinaturas necessárias, o documento será enviado ao presidente do Senado Federal e um pedido de investigação que culmine em impeachment pode ser iniciado.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Com dois a menos, Palmeiras se classifica na libertadores

10 SEMIS DE #LIBERTADORES NA HISTÓRIA! 10 CLASSIFICAÇÕES CONSECUTIVAS EM MATA-MATA NO TORNEIO! 10 PASSAGENS DE FASE EM #LIBERTADORES EM CASA!

Patriotas vão para Paulista: Ribeirão inicia preparativos para o desfile de 7 de Setembro

Em Ribeirão vários grupos se organizam para participar das manifestações em São Paulo, dia que esta sendo considerado o mais importante dos últimos 200 anos. Confira como participar.

WhatsApp lança novas ferramentas para garantir mais segurança e privacidade aos usuários

As funções do aplicativo de mensagens estão em fase de testes, mas devem chegar ao público em breve

Vereador esquerdista que defende mulheres deve cumprir medida protetiva com a ex-namorada

a vítima se sente perseguida e agredida moralmente e psicologicamente pelo autor

“Funcionário” recebe R$ 22 mil por mês da Câmara para estudar Direito na USP em período integral

Trabalhar por que? Se nem os vereadores fazem isso, o O acadêmico em questão é Saulo Wellington Marchiori Magron, lotado no cargo de agente de administração
- PUBLICIDADE -