Início Policial Júri condena Pablo a 24 anos por morte de Nicole

Júri condena Pablo a 24 anos por morte de Nicole

- continua após a publicidade -

pablo_1Em julgamento que durou doze horas e terminou às dez da noite desta quarta-feira, 29 de junho, Pablo Russel Rocha foi condenado a 24 anos de prisão, em regime fechado, pela morte da garota Selma Heloísa Artigas da Silva, conhecida como Nicole.
A sentença foi proferida pelo juiz Giovani Serra Azul Guimarães por volta das 22h de quarta-feira (29).
O crime ocorreu em 11 de setembro de 1998.

Nicole tinha 21 anos na época do crime.
Um laudo do Instituto Médico Legal (IML) comprovou que ela estava grávida quando morreu.

Dezoito anos depois do crime que abalou Ribeirão Preto, ele sentou-se no banco dos réus.

O empresário já havia cumprido dois anos e três meses de cadeia.
Pablo Rocha foi condenado por homicídio triplamente qualificado: motivo fútil, com requintes de crueldade e sem oferecer recurso de defesa à vítima. A decisão dos jurados foi por maioria.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

O júri entendeu que Rocha realmente arrastou a mulher até a morte com sua Mitsubishi Pajero, depois de prendê-la ao cinto de segurança, teria percorrido dois quilômetros até parar o veículo na avenida Caramuru.
O empresário alega inocência e diz que foi um acidente.
Nicole teria ficado presa ao equipamento e o empresário, que estava com o som do carro em volume alto, não teria ouvido os gritos de socorro.

Pablo saiu preso do tribunal e foi encaminhado para o plantão da Polícia Civil, onde passaria a noite. A previsão é de que ele seja levado nesta quinta-feira (30) para a cadeia de Santa Rosa de Viterbo (SP) antes de ser encaminhado para um centro de detenção.

Além do processo criminal, Pablo também foi condenado a pagar indenização à família de Nicole. Os advogados, que representam a mãe da vítima, não informaram o valor, apenas que parte do acordo já foi pago.

Entenda melhor o caso >>>>>>>>>

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

França proíbe linguagem de gênero neutro em escolas

Segundo o Ministério da Educação, a medida atrapalha o aprendizado dos alunos e prejudica as pessoas com deficiência mental

Bruno Covas tem piora, e estado de saúde é considerado muito gravíssimo

Ele está no Hospital Sírio-Libanês, onde está internado desde o dia 15 de abril para tratamento de um câncer.

Covid-19: governo compra mais 100 milhões de doses da vacina da Pfizer

Lote se soma aos 100 milhões de doses adquiridos anteriormente

Justiça de Ribeirão determina que Facebook retire do ar fake news sobre pandemia

Como acreditar na justiça brasileira? Chamam de negacionistas mas são os primeiros a negar informações que não interessam ou que não atendem uma única vertente.

Daerp inicia implantação da nova conta de água na região central

O planejamento é que a nova conta chegue a 30 mil usuários até o final do mês de maio
- PUBLICIDADE -