InícioLazer e CulturaPalmeiras ganhar tudo: Agora mancha verde vence o carnaval

Palmeiras ganhar tudo: Agora mancha verde vence o carnaval

Mancha Verde é campeã do grupo especial do Carnaval de São Paulo em 2022

- continua após a publicidade -

O enredo da escola foi a água, que conduz a vida, que germina as sementes, que cobre mais de 70% do planeta e do corpo humano. Inspirado pela canção “Planeta Água” de Guilherme Arantes, o desfile conscientizou para o consumo racional do bem natural, bem como sua importância no cotidiano e em plantações e lavouras.

Foram celebradas ainda as águas de Iemanjá, a orixá que conduz a preciosidade e é a rainha do mar. Antes de iniciar seu desfile, a Mancha teve um susto. Parte do braço de uma das alegorias do abre-alas quebrou. Isso fez com que a escola entrasse na avenida com o cronômetro já marcando quatro minutos.

Apuração

Mesmo assim, os integrantes da escola conseguiram achar uma solução para o problema, consertando o carro e terminando o desfile dentro do tempo permitido de 65 minutos.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Antes da apuração, duas escolas foram punidas. O Colorado do Brás perdeu 0,5 ponto por propaganda durante o desfile. O Acadêmicos do Tatuapé também perdeu 0,5 ponto, por problema na segunda alegoria, que emperrou e só saiu do lugar com ajuda de dezenas de integrantes e até de um trator.

O Colorado acabou sendo rebaixado para o grupo de acesso 1, junto com o Vai-Vai, que ficou em último lugar. O Tatuapé conseguiu escapar do rebaixamento por dois décimos.

São quatro jurados por quesito: harmonia, metre-sala e porta-bandeira, enredo, evolução, bateria, fantasia, alegoria, samba-enredo e comissão de frente. A menor nota era automaticamente descartada pelo regulamento.

Harmonia foi totalmente equilibrado, com a maioria das escolas com nota dez e fechando com os 30 pontos totais. Em mestre-sala e porta-bandeira, muitas agremiações conquistaram notas menores, em destaque o Vai-Vai, que fechou em 29,6. Em enredo, a média de notas máximas foi mantida.

Em evolução, a variação de notas foi constante, com a Rosas de Ouro conseguindo apenas 29,7. Já em Bateria a dominância foi de notas dez. Em fantasia, muitas escolas gabaritaram, como a Mancha Verde, Unidos de Vila Maria, Dragões da Real e Mocidade Alegre. Em alegoria, os Gaviões da Fiel ficaram com a pior soma, chegando apenas a 29,6.

No samba-enredo, todas as escolas gabaritaram, exceto o Vai-Vai. Em comissão de frente, primeiro critério de desempate, Mancha e Mocidade continuaram empatadas. A decisão ficou apenas no terceiro critério, alegoria, com a escola da Zona Oeste conquistando a vitória.

As cinco primeiras colocadas retornam ao Sambódromo do Anhembi, na próxima sexta-feira (29), para o desfile das campeãs. Junto, estarão a vencedora do grupo de acesso 2, e a vencedora e vice do grupo de acesso 1.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

🔴⚽ Botafogo inicia venda de ingressos nas bilheterias para a estreia na Série B do Brasileiro!

O jogo está agendado para sexta-feira (19), às 19h, no Estádio Santa Cruz/Arena Nicnet, pela primeira rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

🔒🎪 Autorização digital para entrada de menores de idade no Ribeirão Rodeo Music!

Acesso de menores será 100% online e antecipado através do site RRM. Todos os detalhes do responsável maior autorizado e do menor serão registrados digitalmente. Documentos originais serão obrigatórios durante o evento.

🎶🌟 Pantera Sessions inicia temporada 2024 com uma roda de samba!🎶🌟

Neste sábado, dia 20 de abril, às 16h, o Pantera Sessions dará início à temporada de shows de 2024 com a apresentação do grupo Soberanas do Samba, no Espaço MuseLab, em Ribeirão Preto

🔥🇧🇷 Brasil avisa STF: documentos sigilosos de Moraes entregues ao Congresso dos EUA! 🔥

A defesa do X Brasil enviou documento ao ministro do STF, Alexandre de Moraes, informando que entregou ao Congresso dos Estados Unidos cópias de decisões sigilosas do magistrado.

🌿🎨 Celebração dos Povos Indígenas no ShoppingSantaÚrsula 🎨🌿

Para comemorar o Dia dos Povos Indígenas, o ShoppingSantaÚrsula recebe o renomado artista xinguano Mayawari Melihaku, da aldeia Kaüpuna, do Parque Indígena do Xingu (MT).
- PUBLICIDADE -