InícioLazer e CulturaPalmeiras ganhar tudo: Agora mancha verde vence o carnaval

Palmeiras ganhar tudo: Agora mancha verde vence o carnaval

Mancha Verde é campeã do grupo especial do Carnaval de São Paulo em 2022

- continua após a publicidade -

O enredo da escola foi a água, que conduz a vida, que germina as sementes, que cobre mais de 70% do planeta e do corpo humano. Inspirado pela canção “Planeta Água” de Guilherme Arantes, o desfile conscientizou para o consumo racional do bem natural, bem como sua importância no cotidiano e em plantações e lavouras.

Foram celebradas ainda as águas de Iemanjá, a orixá que conduz a preciosidade e é a rainha do mar. Antes de iniciar seu desfile, a Mancha teve um susto. Parte do braço de uma das alegorias do abre-alas quebrou. Isso fez com que a escola entrasse na avenida com o cronômetro já marcando quatro minutos.

Apuração

Mesmo assim, os integrantes da escola conseguiram achar uma solução para o problema, consertando o carro e terminando o desfile dentro do tempo permitido de 65 minutos.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Antes da apuração, duas escolas foram punidas. O Colorado do Brás perdeu 0,5 ponto por propaganda durante o desfile. O Acadêmicos do Tatuapé também perdeu 0,5 ponto, por problema na segunda alegoria, que emperrou e só saiu do lugar com ajuda de dezenas de integrantes e até de um trator.

O Colorado acabou sendo rebaixado para o grupo de acesso 1, junto com o Vai-Vai, que ficou em último lugar. O Tatuapé conseguiu escapar do rebaixamento por dois décimos.

São quatro jurados por quesito: harmonia, metre-sala e porta-bandeira, enredo, evolução, bateria, fantasia, alegoria, samba-enredo e comissão de frente. A menor nota era automaticamente descartada pelo regulamento.

Harmonia foi totalmente equilibrado, com a maioria das escolas com nota dez e fechando com os 30 pontos totais. Em mestre-sala e porta-bandeira, muitas agremiações conquistaram notas menores, em destaque o Vai-Vai, que fechou em 29,6. Em enredo, a média de notas máximas foi mantida.

Em evolução, a variação de notas foi constante, com a Rosas de Ouro conseguindo apenas 29,7. Já em Bateria a dominância foi de notas dez. Em fantasia, muitas escolas gabaritaram, como a Mancha Verde, Unidos de Vila Maria, Dragões da Real e Mocidade Alegre. Em alegoria, os Gaviões da Fiel ficaram com a pior soma, chegando apenas a 29,6.

No samba-enredo, todas as escolas gabaritaram, exceto o Vai-Vai. Em comissão de frente, primeiro critério de desempate, Mancha e Mocidade continuaram empatadas. A decisão ficou apenas no terceiro critério, alegoria, com a escola da Zona Oeste conquistando a vitória.

As cinco primeiras colocadas retornam ao Sambódromo do Anhembi, na próxima sexta-feira (29), para o desfile das campeãs. Junto, estarão a vencedora do grupo de acesso 2, e a vencedora e vice do grupo de acesso 1.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

Anvisa alerta sobre risco de miocardite e pericardite pós-vacinação

A Anvisa informa que os Estados Unidos (EUA) relataram a ocorrência de casos de miocardite (inflamação do músculo cardíaco) e de pericardite (inflamação do tecido que envolve o coração) após a vacinação

Campeonato Esportivo movimenta mais de mil alunos das escolas municipais

Cirem será realizado até a 2a quinzena de dezembro

Assistência Social realizará “V Caminhada Mulher Maravilha” neste domingo

Evento promovido pelo NAEM acontece em referência aos 16 dias de ativismo pelo fim da violência contra as mulheres

Projeto Guri está com inscrições abertas

Crianças e adolescentes de seis a 18 anos podem aprender a tocar um instrumento musical, sem a necessidade de conhecimento prévio

Fogos de artifício: veterinário explica como proteger os animais durante as comemorações

Especialista explica as possíveis reações dos pets e o que pode ser feito para amenizar o pânico e transtornos causados pelas explosões
- PUBLICIDADE -