InícioLazer e CulturaJovem ribeirão-pretano recebe suportes de David Guetta, Hardwell, Martin Garrix, Sander...

Jovem ribeirão-pretano recebe suportes de David Guetta, Hardwell, Martin Garrix, Sander van Doorn, Tiësto

Skullwell nascido e criado em Ribeirão Preto, jovem talento impressiona seja pela pouca idade (21 anos), o tempo de carreira (quase 10 anos)

- continua após a publicidade -

Skullwell nascido e criado em Ribeirão Preto, o jovem talento impressiona seja pela pouca idade (21 anos), o tempo de carreira (quase 10 anos) ou os resultados estratosféricos que coleciona.

Skullwell estreou na holandesa Doorn, um dos braços da gigante Spinnin’ Records, com direito a clipe e suportes de alguns dos maiores nomes da e-music mundial.

Skullwell, um dos produtores mais jovens em ascendência na cena eletrônica nacional, junto ao duo italiano de House Progressivo, Promise Land, lançou recentemente mais um hit: “Feel my Body”.

A música ganhou como habitat a gravadora holandesa Doorn, da gigante Spinnin’ Records, comandada por Sander van Doorn que não só agregou a música em sua label, mas também é um dos grandes reverberadores dela, assim como Afrojack, Blasterjaxx, David Guetta, Fedde le Grand, Hardwell, Martin Garrix e Tiësto.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Além da celebração pela conquista da label e os suportes de peso, a música alcançou o terceiro lugar do Trending Tracks — gerado pelos 50 maiores rádios shows do mundo na plataforma do 1001tracklists; e em menos de uma semana, o 21º lugar no TOP 100 músicas de Future House do Beatport. Também ganhou um clipe gravado em Detroit, nos Estados Unidos, que conta com a dançarina de Shuffle Brooke Klimek, filmado por Audriana Kline e editado por Filipe Teles.

Essa parceria de êxito não é novidade, já que em outubro do ano passado, o produtor brasuca lançou em colaboração com o duo a faixa “My my my”, pela Hexagon Records de Don Diablo. Assim, Skullwell se tornou o primeiro artista brasileiro a integrar a label e, de quebra, a música ainda entrou para o “The Magical 500” do Tomorrowland, uma votação que o festival promove para escolher as 500 melhores músicas do ano (que são integradas em uma playlist), feito conquistado por apenas 9 brasileiros.

Pedro é o rapaz de 21 anos que por trás do alter-ego artístico Skullwell, dia após dia ocupa — astuciosamente — o seu lugar ao brilhante Sol que é a indústria musical.

Não à toa, coleciona passagens por palcos como Green Valley, P12, El Fortin, Park Art e XXXperience; além de lançamentos pela Sony Music e a incrível Bunny Tiger de Sharam Jey.

Além de proeminentes conquistas, o jovem produtor que foi envolvido pela música há 10 anos, há três meses tornou-se empresário em consequência do nascimento de sua label fundada ao lado de Leandro da Silva, a Tomorrowbeats.

SERVIÇO

Música AQUI

Site

Redes sociais: Facebook, Instagram, Soundcloud, Twitter e YouTube.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

BBB 22 solta lista de participantes; conheça o perfil de cada um

O reality show vai ao ar na próxima segunda-feira (17/01) e começou a divulgar na tarde desta sexta-feira (14/01) os novos brothers Chegou o momento...

A verdade que não contam: As picadas ainda estão em testes?

Aprovada pela ANVISA, a bula informa que os estudos do medicamento aplicado, serão conhecidos apenas em 2023. Desta forma é experimental ou não?

AstraZeneca e Janssen têm novo efeito colateral descoberto

Fraqueza nos braços e pernas, formigamentos, dormências, dores ou perda da sensação de dor, além de problemas nos sistemas urinário e digestivo.

Depois da maioria picada os casos explodem em todo mundo

Confira o resumo da aplicadas no Brasil e confira a diferença entre algo efetivo e outro ainda em estudo

Chuvas deixam 45 mil desalojados e 6,6 mil desabrigados em Minas

Nas últimas 24 horas foram registrados 10 mil desalojados
- PUBLICIDADE -