InícioLazer e CulturaDescendentes de imigrantes visitam a exposição da Casa da Memória Italiana no...

Descendentes de imigrantes visitam a exposição da Casa da Memória Italiana no RibeirãoShopping

- continua após a publicidade -

A exposição “Memória Italiana” recebeu a visita de descendentes de imigrantes e organizadores, que marcou a abertura da mostra, no dia 23 de fevereiro. Localizada no Setor Terra Vermelha do RibeirãoShopping, a exposição inédita conta, por meio da memória oral, documentos e fotos, a história de 10 famílias italianas, desde a chegada de seus ancestrais imigrantes ao Brasil e suas contribuições para o desenvolvimento social, cultural e econômico da região de Ribeirão Preto e do Estado de São Paulo.

A ação, que faz parte da comemoração do Dia Nacional do Imigrante Italiano, celebrado em 21 de fevereiro, é resultado de um projeto aprovado pelo ProAC (Programa de Ação Cultural) do Governo do Estado de São Paulo. Os relatos são exibidos em vídeos documentários, painéis com imagens e textos, e vitrines com peças do acervo da Casa da Memória Italiana. A exposição “Memória Italiana”, que tem entrada gratuita, fica no RibeirãoShopping até o dia 23 de março.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Governo antecipa pagamento de terceira parcela do auxílio emergencial

Novo calendário começa nesta sexta-feira, para nascidos em janeiro

17 mi para pró Urbano foi feito sem justificativas ou estudos técnicos, afirma MP

O MP pediu a prefeitura de Ribeirão Preto fornecer os documentos que comprovem a necessidade do repasse de R$ 17 milhões ao consórcio ProUrbano.

Vacinação: Agendamento para profissionais da educação com 45 anos ou mais (1ª DOSE) será aberto nesta terça-feira(15)

Serão disponibilizadas 900 vagas; vacinação acontecerá na quarta-feira, dia 16 de junho a partir das 8h

Enem: aberto prazo para quem teve isenção de taxa de inscrição negada

O período de recurso vai de hoje até o dia 18 de junho

Morre Antonio Renato Prata, um dos fundadores da Festa do Peão de Barretos

Pecuarista tinha 92 anos e foi o primeiro a presidir clube Os Independentes, que organiza festa. Pratinha criava gado e tinha paixão por cavalo quarto de milha
- PUBLICIDADE -