Início Esportes Futebol Sertãozinho vence por 2 a 0 e abre vantagem na decisão

Sertãozinho vence por 2 a 0 e abre vantagem na decisão

- continua após a publicidade -

Já garantidos no Paulistão A2 Itaipava da próxima temporada, Sertãozinho e Rio Preto entraram em campo na manhã deste domingo (8) para realizar a primeira final do Paulistão A3. Melhor para os donos da casa, que jogando no estádio Frederico Dalmaso venceram por 2 a 0, com gols de Felipe e Edu Pina. Os visitantes ainda desperdiçaram uma penalidade com Jhonata Obina.

A segunda decisão
Acontece no próximo sábado (14), às 19h no estádio Anísio Haddad, em São José do Rio Preto. O Sertãozinho pode até mesmo perder por 1 a 0 que fica com o título. Caso o Rio Preto consiga vencer por 2 a 0 garante a taça por ter feito melhor campanha na somatória das fases.

Se enganou quem pensou que por já terem conseguido o acesso, Sertãozinho e Rio Preto fariam um jogo festivo e sem grandes emoções. Atuando em casa, o time de Serrão tratou de imprimir seu ritmo e logo aos cinco minutos chegou ao primeiro bom lance com Felipe, que completou cruzamento de Tito e exigiu boa defesa do goleiro André. A resposta dos visitantes veio aos dez, com o lateral esquerdo Marcelo Vilella que recebeu e finalizou por cima do gol.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Querendo abrir vantagem no jogo de ida, os mandantes chegavam com maior perigo. Aos 16, Mateus cobrou falta e o André voltou a aparecer. Oito minutos depois o arqueiro nada pôde fazer, quando Edu Pina fez ótima jogada pela esquerda e rolou para Felipe apenas completar para as redes. Estava aberto o placar no estádio Frederico Dalmaso.

Sem a mesma movimentação que lhe rendeu o melhor ataque do Paulistão A3, o Rio Preto sofria com a dificuldade para criar as jogadas. Aos 31, porém, a equipe perdeu sua melhor chance. Em uma das raras vezes que ofereceu perigo ao adversário, o time de Betão Alcântara chegou ao ataque com Alan, que ao tentar completar rebote de Márcio, foi derrubado por Edu Pina dentro da área. Na batida do pênalti, Jhonata Obina cobrou no meio do gol e o arqueiro fez a defesa.

Nos minutos finais o jogo ficou aberto.
O camisa 9 do Sertãozinho, que já havia balançado as redes, perdeu chance cara a cara. Do outro lado, o Rio Preto ensaiou uma pressão nos acréscimos, mas não conseguiu chegar ao tento de empate.

A segunda etapa começou tão boa quanto a primeira. Buscando ampliar a vantagem, o Sertãozinho chegou com perigo duas vezes antes dos dez minutos. Logo aos 30 segundos Tito finalizou cruzado dentro da área pra fora. Aos nove o zagueiro Alemão cobrou falta de longa distância que explodiu na trave. A resposta do Rio Preto veio aos 13 com Jonatas que chutou de longa distância e acertou a rede pelo lado de fora. Era pouco para quem buscava uma reação.

Melhor na partida, os mandantes ampliaram o placar aos 15, quando o zagueiro Márcio Garcia derrubou Felipe dentro da área e o árbitro Rafael Gomes anotou a penalidade. Na cobrança, Edu Pina não desperdiçou.

- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Vendo que sua equipe não conseguia oferecer grande perigo, Betão Alcântara resolveu mexer. O lateral Alan deixou o campo para a entrada do atacante Giovani. Minutos depois foi a vez do meia Jonatas dar lugar para Elionar Bombinha. As alterações fizeram com que os visitantes melhorassem, e passassem a oferecer maior perigo. Em uma das boas chances, Ermínio recebeu lindo lançamento de Marcelo Vilella e ao tentar driblar o goleiro Márcio, viu o goleiro saltar para desviar a bola para escanteio.

Bem postado, o Sertãozinho se segurou na defesa e apostou nos contragolpes para tentar ampliar, enquanto o Rio Preto buscava o seu gol para diminuir o prejuízo. O placar, no entanto, não foi alterado e os donos da casa comemoraram a vitória por 2 a 0 no jogo de ida.

Estádio Frederico Dalmaso, em Sertãozinho.
Técnicos
José Carlos Serrão
Márcio – Nequinha – Fred – Alemão – Edu Pina (Danilo) – Nildo – Mateus – Fábio – Rossini (Luan) – Felipe
Tito (Luciano Gigante) –

Betão Alcântara
André – Alan (Giovani) – Patrick – Marcio Garcia – Marcelo Vilella – Régis Pitbull (Zé Forte) – Felipe Manoel
Jonatas (Elionar Bombinha) – Wendel – Jhonata Obina – Ermínio

Público: 5.232.
Cartões amarelos: Alemão e Nildo (SER) ; Alan e Márcio Garcia (RPR)
Gols: Felipe, (SER – 24’/1ºT) e Edu Pina (SER – 25’/2ºT)
Árbitro Principal: Rafael Gomes Felix da Silva
Árbitro Assistente 1:Daniel Luis Marques
Árbitro Assistente 2: Leandra Aires Cossette
Quarto Árbitro: Alysson Fernandes Matias

 

Fonte FPF.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

Após auxilio emergencial Bolsonaro cria renda cidadã para 2021

Bolsonaro confirma programa que vai substituir o Bolsa Família

Dia Mundial do Coração conscientiza população sobre problemas cardiovasculares

Em 29 de setembro é comemorado o Dia Mundial do Coração. Criada pela Federação Mundial do Coração com objetivo de conscientizar a população

Suicídio e depressão: questões individuais ou coletivas?

No entanto, quando a Organização Mundial da Saúde declara a depressão como o mal do século e as taxas de suicídio se elevam consideravelmente em épocas de crise e especialmente agora

Mesmo sem isolamento estado de SP completa 10 semanas queda de internações por coronavírus

Indicadores de saúde também apontam que os óbitos voltaram a diminuir, com queda de 16% em relação à semana anterior

Oficina educativa encerra programação mensal do Museu Casa de Portinari

Lúdicas, instrutivas e divertidas, as oficinas são ótimas ferramentas para ensinar conceitos básicos educacionais e sociais às crianças.