InícioEsportesFutebolPalmeiras atropela o São Paulo no Allianz e se classifica às semifinais...

Palmeiras atropela o São Paulo no Allianz e se classifica às semifinais da Libertadores

Palmeiras agora vai em busca do tri, aguarda o vencedor de Atlético-MG e River Plate

- continua após a publicidade -

Com gols de Raphael Veiga, Dudu e Patrick de Paula, Verdão elimina o Tricolor da competição continental e aguarda o vencedor de Atlético-MG e River Plate nas semifinais

Palmeiras goleou o São Paulo por 3 a 0, no Allianz Parque, e se classificou às semifinais da Copa Libertadores. Os gols da vitória foram marcados por Raphael Veiga, Dudu e Patrick de Paula, em um jogo muito consistente do Verdão, tanto na parte ofensiva, quanto defensiva. 

Agora, o Alviverde espera o vencedor de Atlético-MG e River Plate-ARG para saber o seu adversário nas semifinais da competição continental. Já ao São Paulo, restam as disputas do Campeonato Brasileiro e da Copa do Brasil.

JOGO COMEÇA, PALMEIRAS PRESSIONA E ABRE O PLACAR
​Jogando em casa, o Palmeiras iniciou a partida pressionando e assustando a meta do São Paulo. Com oito minutos, o Verdão já tinha criado quatro chances de marcar, mas ainda não havia acertado o gol de Thiago Volpi. Até que acertou aos 10. 

Arboleda perdeu a bola no meio-campo, e Zé Rafael foi puxando o contra-ataque pela esquerda. O meia ganhou no corpo de Daniel Alves e ajeitou na medida para Veiga na área, pela direita. O camisa 23 do Palmeiras bateu de primeira de direita para abrir o placar.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -



SÃO PAULO QUASE EMPATA NO LANCE SEGUINTE
Precisando marcar para se manter vivo na Libertadores, o São Paulo chegou com perigo um minuto depois de ter levado o gol. Rigoni recebeu a bola na direita, perto da linha de fundo, e cruzou rasteiro. Pablo tentou finalizar, mas acabou ajeitando para Rodrigo Nestor. O camisa 25 tricolor bateu colocado, e a bola passou raspando o travessão de Weverton.



Um minuto depois, Dudu passou por dois defensores no campo de ataque e deixou Breno Lopes livre no campo de ataque. Ele avançou, teve Rony como opção, mas chutou para fora, com o corpo torto.



VOLPI SALVA O SÃO PAULO DE LEVAR O SEGUNDO 
A primeira etapa ainda reservou mais chances para o Palmeiras, já que o São Paulo não conseguia levar perigo a defesa palmeirense. Com 39 minutos, Veiga fez belo cruzamento para Rony na grande área, que chegou primeiro que o marcador para finalizar. O atacante bateu de direita, de primeira, e Volpi fez uma bela defesa.



Ainda deu tempo para Raphael Veiga aproveitar a sobra no campo de ataque, após bola roubada, e bater colocado. O chute desviou em Arboleda e passou perto da trave de Volpi. Já o São Paulo tentou uma jogada no último lance da primeira etapa, mas Weverton saiu do gol e encaixou a cobrança de escanteio antes do intervalo no Allianz Parque. 

SÃO PAULO VOLTA COM MUDANÇA E COMEÇA PRESSIONANDO
Em busca de voltar para a partida, o técnico Hernán Crespo promoveu mudança no Tricolor e colocou o atacante Rojas na vaga do volante Luan. Com isso, o São Paulo começou a pressionar mais a zaga do Palmeiras. Antes do primeiro minuto, Nestor aproveitou a sobra de um cruzamento na área do Palmeiras e bateu de primeira da entrada da área. O chute foi por cima do gol.

Já aos dez, Pablo perdeu grande chance. O camisa nove recebeu um lindo passe de Rodrigo Nestor, mas, sozinho na área, não dominou. A bola escapou e ficou com o goleiro Weverton. 



PABLO PERDE CHANCE CLARA DENTRO DA ÁREA
O São Paulo melhorava na partida e teve a grande oportunidade de empatar o marcador com onze minutos, mas Pablo desperdiçou. Rigoni fez boa jogada na direita, puxou para o meio e deixou o camisa nove na cara do gol. O atacante dominou, mas chutou forte por cima do gol, na cara de Weverton. 

Quatro minutos depois, o Palmeiras respondeu. Wesley sofreu falta perigosa de Miranda na entrada da área. Veiga bateu e a bola foi por cima da meta do goleiro Thiago Volpi, assustando o arqueiro são-paulino. 



QUEM NÃO FAZ, TOMA… PALMEIRAS AMPLIA COM DUDU
Pouco tempo depois dessa chance do São Paulo, o Palmeiras aproveitou e ampliou o marcador, aos 21 minutos. Wesley bateu forte de fora da área, e Volpi fez uma grande defesa. Na sobra, Rony ajeitou para trás para Wesley, a bola foi para Danilo e sobrou para Dudu. O camisa 43 do Palmeiras bateu firme no canto superior, sem chances para Volpi. 

PALMEIRAS MARCA O TERCEIRO COM PATRICK DE PAULA E SÃO PAULO TEM JOGADOR EXPULSO
Conforme o jogo passava, o São Paulo ficava com a bola, mas o Palmeiras era mais efetivo. E tal efetividade virou o terceiro gol com 32 minutos. Patrick de Paula ganhou a sobra na entrada da área e encheu uma bomba no gol. A bola ainda desviou na marcação antes de parar no fundo do gol de Volpi. 

Perdido em campo, o São Paulo mostrava nervosismo, tanto que aos 37 minutos, Vitor Bueno foi expulso após chegar solando a perna do zagueiro Gustavo Gómez. No fim da partida, o Palmeiras ficou trocando passes esperando o fim da partida e o apito final do árbitro Wilmar Roldán. 

Agora, as equipes viram a chave para a disputa do Campeonato Brasileiro. O Palmeiras pega o Cuiabá, no domingo (22), às 11h, no Allianz Parque, enquanto o São Paulo tem um confronto direito na parte debaixo da tabela contra o Sport, também no domingo, às 20h30, na Ilha do Retiro.



PALMEIRAS 3 X 0 SÃO PAULO
Local:
 Allianz Parque, São Paulo (SP)
Data e horário: 17 de agosto de 2021, às 21h30
Árbitro: Wilmar Roldán (COL)
Assistentes: Dionisio Ruiz e Wilmar Navarro (ambos da COL)
VAR: Julio Bascuñán (CHI)
Gols: Raphael Veiga (10’/1ºT) (1-0), Dudu (21’/2ºT) (2-0), Patrick de Paula (32’/2ºT) (3-0)
Cartões Amarelos: Arboleda, Daniel Alves (SAO)
Cartões Vermelhos: Vitor Bueno (SAO)

PALMEIRAS
Weverton, Marcos Rocha, Luan, Gustavo Gómez e Renan; Danilo, Zé Rafael (Patrick de Paula, aos 23’/2ºT) e Raphael Veiga (Piquerez, aos 38’/2ºT); Dudu (Felipe Melo, aos 44’/2ºT), Wesley (Gabriel Menino, aos 38’/2ºT) e Rony (Deyverson, aos 37’/2ºT). Técnico: Abel Ferreira

SÃO PAULO
Tiago Volpi, Daniel Alves, Arboleda, Miranda e Léo; Rodrigo Nestor (Igor Gomes, aos 12’/2ºT), Luan (Rojas, Intervalo), Liziero e Gabriel Sara (Vitor Bueno, aos 29’/2ºT); Rigoni e Pablo (Eder, aos 29’/2ºT). Técnico: Hernán Crespo


Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Com dois a menos, Palmeiras se classifica na libertadores

10 SEMIS DE #LIBERTADORES NA HISTÓRIA! 10 CLASSIFICAÇÕES CONSECUTIVAS EM MATA-MATA NO TORNEIO! 10 PASSAGENS DE FASE EM #LIBERTADORES EM CASA!

Patriotas vão para Paulista: Ribeirão inicia preparativos para o desfile de 7 de Setembro

Em Ribeirão vários grupos se organizam para participar das manifestações em São Paulo, dia que esta sendo considerado o mais importante dos últimos 200 anos. Confira como participar.

WhatsApp lança novas ferramentas para garantir mais segurança e privacidade aos usuários

As funções do aplicativo de mensagens estão em fase de testes, mas devem chegar ao público em breve

Vereador esquerdista que defende mulheres deve cumprir medida protetiva com a ex-namorada

a vítima se sente perseguida e agredida moralmente e psicologicamente pelo autor

“Funcionário” recebe R$ 22 mil por mês da Câmara para estudar Direito na USP em período integral

Trabalhar por que? Se nem os vereadores fazem isso, o O acadêmico em questão é Saulo Wellington Marchiori Magron, lotado no cargo de agente de administração
- PUBLICIDADE -