InícioFutebolBotafogoBotafogo bate Bugre no brinco de ouro e se reabilita no paulista

Botafogo bate Bugre no brinco de ouro e se reabilita no paulista

Com a vitória, o Pantera manteve a quarta colocação do Grupo C, O líder da chave é o Palmeiras

- continua após a publicidade -

Com boa atuação, Botafogo vence o Guarani fora de casa e cola na vice-liderança

Com uma atuação convincente, o Botafogo venceu o Guarani por 2 a 0, neste quarta-feira (9), no Estádio Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas, pela quinta rodada dia Paulistão-2022.

Os gols do Tricolor foram marcados no primeiro tempo. Aos 10 minutos, o lateral esquerdo Jean Victor abriu o placar. Aos 32, Tiago Reis ampliou com um golaço.

Com a vitória, o Pantera manteve a quarta colocação do Grupo C, com oito pontos –mesma pontuação do Mirassol, vice-líder, e do Ituano, terceiro colocado, que levam vantagem nos critérios de desempate. O líder da chave é o Palmeiras, que soma dez pontos e tem um jogo a menos.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Na classificação geral, o Botafogo ocupa a quinta posição.

Agora, o Tricolor volta a campo para enfrentar o Água Santa, no sábado (12), às 16h, no Estádio Santa Cruz, pela sexta rodada da competição.

O JOGO

Com o objetivo de conquistar a reabilitação, o treinador Leandro Zago promoveu mudanças no sistema defensivo e ofensivo.

Na defesa, o treinador escalou Joseph, que retornou ao time após ser diagnosticado com Covid, no lugar de Diego Guerra. Assim, o volante Tárik atuou pela esquerda para formar a linha de três defensores. A outra mudança foi a volta do lateral esquerdo Jean Victor, substituindo Martineli.

Já a terceira modificação foi no ataque com a entrada de Dudu no lugar de Bruno Michel.

Com essa formação, o Tricolor procurou marcar forte atrás da linha de meio campo e explorar os contra-ataques. E a tática deu certo. Aos 10 minutos, Marlon arrancou pela direita e cruzou para o lateral Jean Victor, que dominou, ajeitou e encheu o pé para fazer 1 a 0.

Melhor em campo, o Tricolor quase ampliou aos 17 minutos, quando Jean Victor cobrou falta com violência e a bola passou raspando a trave.

A melhor chance do Guarani foi com Matheus Ludke, que completou de cabeça um cruzamento da esquerda e Deivity defendeu com segurança.

Com a estratégia do início do jogo, o Pantera ameaçou mais duas vezes. Aos 21, Dudu arrancou pela esquerda e tocou para Tiago Reis, que na entrada da grande área finalizou para fora.

Onze minutos depois, o camisa nove foi lançado por Matheus Carvalho e deu um toque de categoria para encobrir o goleiro rival e ampliar para 2 a 0.

No segundo tempo, o Botafogo manteve o seu estilo de jogo e criou várias chances para ampliar o marcador. Aos 8 minutos, Jean Victor cobrou muito bem a falta, mas Kozlinski espalmou para escanteio.

Quatro minutos depois, Dudu escapou e saiu na cara do goleiro rival, que fez boa defesa. Na sequência, Joaquim Henrique cabeceou após cobrança de escanteio e exigiu outra bela defesa de Kozlinski.

Com a defesa botafoguense bem postada, o Guarani só ameaçou aos 31 minutos. Lucão do Break finalizou da direita e Maxwell perdeu na pequena área.

Nos contra-ataques, o Botafogo perdeu outras duas excelentes oportunidades de aumentar o marcador com Bruno Michel, que entrou na vaga de Matheus Carvalho. Porém, Bruno Michel errou as finalizações e a partida terminou com a vitória do Botafogo sobre o Guarani por 2 a 0.

FICHA TÉCNICA
GUARANI X BOTAFOGO
LOCAL: BRINCO DE OURO DA PRINCESA, EM CAMPINAS
5ª RODADA
COMPETIÇÃO: Campeonato Paulista
DATA: 09/02/2022
HORÁRIO: 21h30 (de Brasília)
ÁRBITRO: Matheus Delgado Candançan
ASSISTENTES: Luiz Alberto Andrini Nogueira e Leonardo Tadeu Pedro
VAR: Daiane Muniz dos Santos
CARTÕES AMARELOS: Derlan (Guarani), Jean Victor (Botafogo), Joseph (Botafogo), Matheus Pereira (Guarani)
CARTÕES VERMELHOS:


GOLS: Jean Victor, aos 10 minutos do primeiro tempo (Botafogo) e Tiago Reis, aos 32 minutos do primeiro tempo (Botafogo)

BOTAFOGO: Deivity (Rafael Pascoal); Joseph, Joaquim Henrique e Tárik; Marlon, Emerson, Fillipe Soutto, Matheus Carvalho (Bruno Michel) e Jean Victor; Dudu (Morales) e Tiago Reis (Hélio Paraíba). Treinador: Leandro Zago

GUARANI: Kozlinski; Matheus Ludke (Rodrigo Andrade), Ernando, Derlan e Matheus Pereira; Bruno Silva, Índio (Eduardo Pearson) e Giovanni Augusto; Júlio César (Ronald), Yago (Maxwell) e Lucão do Break. Treinador: Daniel Paulista

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

Anvisa alerta sobre risco de miocardite e pericardite pós-vacinação

A Anvisa informa que os Estados Unidos (EUA) relataram a ocorrência de casos de miocardite (inflamação do músculo cardíaco) e de pericardite (inflamação do tecido que envolve o coração) após a vacinação

Campeonato Esportivo movimenta mais de mil alunos das escolas municipais

Cirem será realizado até a 2a quinzena de dezembro

Assistência Social realizará “V Caminhada Mulher Maravilha” neste domingo

Evento promovido pelo NAEM acontece em referência aos 16 dias de ativismo pelo fim da violência contra as mulheres

Projeto Guri está com inscrições abertas

Crianças e adolescentes de seis a 18 anos podem aprender a tocar um instrumento musical, sem a necessidade de conhecimento prévio

Fogos de artifício: veterinário explica como proteger os animais durante as comemorações

Especialista explica as possíveis reações dos pets e o que pode ser feito para amenizar o pânico e transtornos causados pelas explosões
- PUBLICIDADE -