InícioEsportesCom técnico e atletas da Equipe Ribeirão Preto, Brasil disputa Pan sub-21...

Com técnico e atletas da Equipe Ribeirão Preto, Brasil disputa Pan sub-21 de Caratê

- continua após a publicidade -

A Equipe de Caratê de Ribeirão Preto, terá oito representantes no Campeonato Pan-Americano das categorias de base, que será realizado de 22 a 28 de agosto em Guayaquil, no Equador.

Além do técnico do time da cidade, Ricardo Aguiar, que também comanda a Seleção Brasileira, Júlia Kruger (kata), Gabriela Elias (kata), Giovanna Machado (acima de 68 kg), Stéphani Trevisan (até 61 kg) e Arthur Menezes (até 75 kg) estarão na competição sub-21. Na júnior, Jéssica Luebke (até 53 kg) representará a cidade e, na sub-14, Vitor Nonino (até 45 kg) fará a sua estreia no Pan.

A expectativa e o planejamento para o campeonato é de aumentar o número de 36 medalhas conquistadas no ano passado, somando as categorias sub-21, sub-14, cadete e júnior, que deu a terceira colocação geral ao Brasil.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Ipem-SP detecta fraude em veículo-tanque em Ribeirão Preto

A Polícia Militar foi acionada após a constatação da fraude

SÃO TOMÉ DAS LETRAS: O QUE FAZER NA CIDADE MÍSTICA DE MINAS GERAIS

Dica de turismo para você fugir da cidade e passar um final de semana ou se programar para o próximo feriado.

Museu Casa de Portinari promove Música no Coreto, neste sábado (18)

Realizada na praça Martim Moreira, a apresentação contará com repertório de música popular; gratuita e respeitando todos os protocolos de segurança

ShoppingSantaÚrsula recebe a exposição “Arte que Fala”

Com curadoria da artista plástica e educadora Cristiane Cordeiro, mostra reúne cinco latas ilustrativas, com uma mensagem e link para palestras que fizeram parte da Feira Internacional do Livro 2021

Menor NÃO: Ministro destaca eventos adversos em adolescentes vacinados

Segundo Queiroga, foram identificados 1,5 mil eventos adversos em adolescentes imunizados. “A OMS não recomenda a vacinação de adolescentes
- PUBLICIDADE -